Busca avançada
Ano de início
Entree

Taxonomia e morfologia de Scyliorhinus Blainville, 1816 do Atlântico Norte oriental (Chondrichthyes; Carcharhiniformes; Scyliorhinidae)

Processo: 16/22214-0
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Doutorado
Vigência (Início): 09 de abril de 2017
Vigência (Término): 23 de julho de 2017
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Zoologia - Taxonomia dos Grupos Recentes
Pesquisador responsável:Mônica de Toledo-Piza Ragazzo
Beneficiário:Karla Diamantina de Araújo Soares
Supervisor no Exterior: Ralf Britz
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Local de pesquisa : Natural History Museum, London, Inglaterra  
Vinculado à bolsa:14/20316-5 - Taxonomia e morfologia do gênero Scyliorhinus Blainville, 1816 (Chondrichthyes: Carcharhiniformes: Scyliorhinidae), BP.DR
Assunto(s):Filogenia   Anatomia comparada   Elasmobrânquios   Scyliorhinidae

Resumo

A família Scyliorhinidae é a mais diversa de tubarões, compreendendo 17 gêneros e 146 espécies. Pertencendo a esta família, o gênero Scyliorhinus apresenta 16 espécies válidas e é considerado um grupo mal definido de cações-gato, com um padrão de coloração variado que é extensivamente usado na identificação das espécies. Um longo histórico de inclusões e rearranjo de espécies é documentado na literatura, contribuindo para a ausência de caracteres diagnósticos para este gênero e obscurecendo suas relações de parentesco dentro da família. As mesmas incerteza são encontradas na identificação das espécies, como dimorfismo sexual, variações individual, ontogenética e geográfica influenciam seus padrões de coloração, e outros caracteres são menos confiáveis ou apresentam muita sobreposição. Scyliorhinus canicula é distinguido de seus congêneres pela presença de abas nasais anteriores expandidas bem próximas uma da outra e sulcos nasorais rasos. Sua região nasoral é única dentro do gênero e por isso sua identidade e relações com outras espécies são duvidosas e precisam ser revisadas. Além disso, sua distribuição é muito ampla e controversa e pode ser confundida com S. stellaris e S. cervigoni. O objetivo deste projeto BEPE é realizar a revisão taxonômica das espécies de Scyliorhinus do Atlântico Norte Oriental, examinando a morfologia externa, dentículos dérmicos, dentes, musculatura, neurocrânio, arcos viscerais, cintura peitoral, clásperes, e dados morfológicos e merísticos, buscando reconhecer as espécies válidas, melhor defini-las, e descrever sua variação morfológica. Este projeta representa uma parte da revisão global em andamento do gênero Scyliorhinus.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
SOARES, KARLA D. A.; DE CARVALHO, MARCELO R. The catshark genus Scyliorhinus (Chondrichthyes: Carcharhiniformes: Scyliorhinidae): taxonomy, morphology and distribution. Zootaxa, v. 4601, n. 1, p. 1-147, MAY 7 2019. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.