Busca avançada
Ano de início
Entree

Desenvolvimento de materiais preparados a partir de celulose nanofibrilada com potencial aplicação em curativos

Processo: 16/22954-4
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Pesquisa
Vigência (Início): 16 de maio de 2017
Vigência (Término): 15 de julho de 2017
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Físico-química
Pesquisador responsável:Juliana da Silva Bernardes
Beneficiário:Juliana da Silva Bernardes
Anfitrião: Aji Pallikunnel Mathew
Instituição-sede: Centro Nacional de Pesquisa em Energia e Materiais (CNPEM). Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (Brasil). Campinas , SP, Brasil
Local de pesquisa : Stockholm University, Suécia  
Assunto(s):Glutationa   Óxido nítrico   Bagaço de cana-de-açúcar

Resumo

Partículas de celulose com largura nanométrica são biomateriais que apresentam características únicas e potencial de aplicação em diferentes áreas. No momento tecnológico atual, grandes esforços de pesquisa vêm sendo dirigidos para o estudo do isolamento de nanoceluloses provenientes de diferentes biomassas, como madeira, algodão e resíduos agrícolas, e para caracterizá-las de forma avançada, e assim direcioná-las adequadamente em suas melhores aplicações. Os métodos de processamento disponíveis permitem obter celulose micro e nanofibrilada (MFC, CNF) ou celulose nanocristalina (CNC). Dispersões dessas nanopartículas em baixas concentrações em meio aquoso formam géis, que são materiais promissores em diversas áreas como, ingrediente para nanocompósitos, filmes multifuncionais, aerogéis/espumas, emulsões, modificadores reológicos, materiais nanoestruturados inorgânicos e carbonosos, aplicações biomédicas, dentre outras. O objetivo desse projeto é utilizar celulose nanofibrilada (CNF), extraída de bagaço de cana-de-açucar, para preparar biomateriais com potencial aplicação em curativos. Dentro da matriz polimérica não tóxica serão incorporadas moléculas de glutationa (doadoras de NO) através de interação eletrostática, afim de se criar um material que facilita a cicatrização de feridas através da liberação controlada de óxido nítrico. As características mecânicas e morfológicas dos materiais preparados por diferentes técnicas (casting, filtração e liofilização) serão avaliadas. Além disso, ensaios de liberação in vitro de alguns materiais selecionados serão realizados em uma célula de difusão de Franz.