Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação do comprimento do telômero de mulheres com obesidade grave antes e após cirurgia bariátrica

Processo: 15/26988-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de janeiro de 2017
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2017
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Nutrição
Pesquisador responsável:Carla Barbosa Nonino
Beneficiário:Paola Akemi Kadoki Leite
Instituição-sede: Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Assunto(s):Cirurgia bariátrica   Obesidade   Telômero   Ingestão de alimentos

Resumo

Introdução: Os telômeros são sequências de repetições de nucleotídeos nos finais dos cromossomos, que protegem o DNA contra danos causados devido à replicação, sendo essenciais para manter a integridade do genoma. Apesar da síntese de telômeros pela telomerase, eles sofrem encurtamento a cada divisão celular ao longo da vida e este pode servir como marcador para risco de doenças incluindo a obesidade. Ainda, estudos tem reportado associação entre deficiência de nutrientes e encurtamento de telômeros em pacientes com obesidade que realizaram a derivação gástrica em Y de Roux (DGYR), sugerindo que as variações de absorções de nutrientes causadas por esta cirurgia podem influenciar o comprimento do telômero. Objetivos: Verificar o comprimento do telômero em indivíduos com obesidade grave antes e após seis meses da DGYR, além de avaliar a associação entre ingestão alimentar e comprimento do telômero. Métodos: Serão selecionadas 50 mulheres com obesidade grau III, entre 35 e 45 anos, submetidas ao procedimento de cirurgia bariátrica do tipo DGYR (nos períodos pré e pós-operatório). Em ambos os períodos serão coletados dados de composição corporal, antropometria, ingestão alimentar, antecedentes pessoais, hábitos de vida e coleta de sangue venoso. Será realizada extração de DNA para análise do comprimento dos telômeros. Para análise estatística serão utilizados os testes de Shapiro-Wilk, teste t, correlação de Pearson e modelos de regressão. Será estabelecido como significativo níveis de p<0,05, sendo todas as análises realizadas no software Statistical Package for Social Science. (AU)