Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeito da administração do probiótico Saccharomyces boulardii na peroxidação lipídica de hepatócitos de camundongos diabéticos

Processo: 16/24059-2
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de fevereiro de 2017
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2018
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Fisiologia - Fisiologia de Órgãos e Sistemas
Pesquisador responsável:Tatiana de Sousa da Cunha Uchiyama
Beneficiário:Leticia Barssotti dos Santos
Instituição-sede: Instituto de Ciência e Tecnologia (ICT). Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Campus São José dos Campos. São José dos Campos , SP, Brasil
Assunto(s):Hepatócitos   Peroxidação de lipídeos   Estresse oxidativo   Diabetes mellitus experimental   Saccharomyces boulardii   Modelos animais de doenças

Resumo

O diabetes mellitus (DM) é uma doença crônica que leva, anualmente, à morte de milhões de pessoas no mundo, devido às complicações resultantes da hiperglicemia que afeta diversos órgãos e funções metabólicas. Em modelos experimentais de DM tipo 1 foi demonstrado que a taxa de degradação de lipídeos é alterada, havendo acúmulo de gordura no fígado, que pode resultar em lesões aos hepatócitos. Uma alta produção de radicais livres, também característica da doença, aumenta o estresse oxidativo podendo resultar em peroxidação lipídica, ruptura de proteínas e do DNA e à morte dos hepatócitos. As lesões celulares e o aumento das espécies reativas amplificam processos inflamatórios no fígado. Análises histológicas do órgão, feitas em diversos estudos sobre DM, evidenciaram alterações como o aparecimento de vacúolos gordurosos, infiltração de mediadores inflamatórios, início de necrose, diminuição no tamanho das células, entre outras modificações estruturais. Por outro lado, estudos recentes mostraram um efeito benéfico do probiótico Saccharomyces boulardii quando associado a quadros de inflamação e dano aos hepatócitos, com ação na diminuição da massa gorda e esteatose. Por conseguinte, o objetivo do presente trabalho é investigar os efeitos da administração da levedura S. boulardii em camundongos com diabetes induzida por STZ, analisando a lipoperoxidação e possíveis alterações na morfologia dos hepatócitos. (AU)