Busca avançada
Ano de início
Entree

Conhecimentos e prática de promoção da saúde dos enfermeiros de Unidades de Saúde da Família do município de São Carlos

Processo: 16/09791-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de janeiro de 2017
Vigência (Término): 30 de novembro de 2017
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Enfermagem - Enfermagem de Saúde Pública
Pesquisador responsável:Sílvia Carla da Sílva André Uehara
Beneficiário:Nathalia Cristina Do Carmo da Silva
Instituição-sede: Centro de Ciências Biológicas e da Saúde (CCBS). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos , SP, Brasil
Assunto(s):Prevenção de doenças   Promoção da saúde   Programa Saúde da Família   Enfermeiros   Conhecimentos, atitudes e prática em saúde   São Carlos (SP)

Resumo

A Reforma Sanitária apresentou a necessidade do país atender as necessidades de saúde da população, além de incluir as novas demandas de saúde oriundas do contexto social, a partir desse movimento foi criado o Sistema Único de Saúde (SUS). Para atender essas novas demandas sócio-sanitárias e reorganizar a porta de entrada no sistema de saúde foi criado o Programa de Saúde de Família (PSF), hoje denominado de Estratégia de Saúde da Família (ESF). O PSF surgiu como um meio de avançar na construção dos novos conceitos e principalmente implementar o modelo preventivo em detrimento do modelo curativista. Nesse cenário, as atividades de promoção de saúde apresentam-se como um dos pilares de sustentação desse novo modelo, visando a qualidade de vida dos indivíduos e comunidades, além da promoção de ambientes saudáveis. Ainda, destaca-se a importância do trabalho desenvolvido pelos enfermeiros nas ESF, uma vez que são considerados como uma peça essencial para a implementação efetiva e fortalecimento da promoção da saúde. Este estudo tem como objetivo avaliar o conhecimento e práticas de atividades de promoção de saúde realizadas por enfermeiros de Estratégias de Saúde da Família (ESF) no município de São Carlos-SP. Trata-se de uma pesquisa de campo, e de abordagem qualitativa. Este estudo será desenvolvido nas 15 ESF do município de São Carlos e a população da pesquisa serão os enfermeiros dessas unidades. A coleta de dados será realizada por meio de entrevista semi-estruturada, utilizando um instrumento adaptado e validado de Lasman (2010). Os dados qualitativos serão analisados por meio da análise temática de conteúdo proposta por Minayo. A coleta de dados iniciará após a aprovação do CEP e assinatura do TCLE pelo participante. (AU)