Busca avançada
Ano de início
Entree

Carreira e pós carreira entre atletas olímpicos brasileiros

Processo: 16/22982-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Programa Capacitação - Treinamento Técnico
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2016
Vigência (Término): 30 de junho de 2018
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Sociologia - Outras Sociologias Específicas
Pesquisador responsável:Katia Rubio
Beneficiário:Silmara Pereira Sanches Furtado
Instituição-sede: Escola de Educação Física e Esporte (EEFE). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:15/25477-0 - Carreira e pós-carreira entre atletas olímpicos brasileiros, AP.R
Assunto(s):Atletas   Carreira profissional   Aposentadoria   Sociologia do esporte

Resumo

O amadorismo no esporte foi, até a década de 1980, um dos pilares do Olimpismo e do movimento olímpico, determinando um modelo de competição esportiva e de atleta que deveria se dedicar à prática esportiva por amor ao treino e à competição e sem receber em troca nenhum bem material ou financeiro por seus resultados. A partir de um movimento de profissionalização dos Jogos Olímpicos ocorridos a partir dos anos 1980 a profissionalização dos atletas tornou-se inevitável gerando profundas transformações não apenas no exercício da profissão de atleta, mas também na constituição da identidade desse profissional que tem uma trajetória produtiva curta e uma aposentadoria precoce, se comparada a outras profissões. Denominada transição de carreira a aposentadoria do atleta tem desdobramentos profundos na vida dessas pessoas acostumadas a ter visibilidade social, assédio público e reconhecimento por seus feitos, pouco comuns aos cidadãos médios. Se a profissionalização representa a possibilidade de uma carreira no esporte como em qualquer outra profissão é necessário considerar que em outras especialidades a aposentadoria ocorre por tempo de serviço, seguindo leis do trabalho que garantem rendimentos pelo sistema previdenciário. A transição de carreira para atletas envolve o início de uma nova carreira e o exercício de uma segunda profissão que tem início em um momento em que a média da população já avista o auge da carreira produtiva. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)