Busca avançada
Ano de início
Entree

Soroprevalência de anticorpos anti-Toxoplasma gondii e anti-Neospora caninum em bovinos de diferentes regiões do Rio Grande do Sul

Processo: 16/25771-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de abril de 2017
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2017
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Medicina Veterinária - Medicina Veterinária Preventiva
Pesquisador responsável:Helio Langoni
Beneficiário:João Luis Revolta Callefe
Instituição-sede: Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia (FMVZ). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil
Assunto(s):Toxoplasmose   Bovinos   Sorologia   Rio Grande do Sul

Resumo

A toxoplasmose e neosporose são doenças de importância, tanto na esfera reprodutiva, quanto nos aspectos de saúde pública. Os bovinos, atuam como hospedeiros intermediários em ambas enfermidades, bem como outros animais domésticos e aves. Os impactos dessas parasitoses na cadeia produtiva de bovinos podem não só gerar prejuízos econômicos aos produtores, mas também colocar em risco a saúde humana, quando se trata da infecção causada pelo Toxoplasma gondii, agente etiológico da toxoplasmose, uma doença zoonótica que pode gerar graves consequências à saúde humana e animal, principalmente em gestantes. Por isso, o levantamento sorológico da prevalência destes protozoários em regiões de importância na produção de bovinos no Brasil, como a região Sul, é necessário para compreender a extensão dos problemas causados por estas enfermidades, bem como melhorar o emprego de medidas profiláticas e de controle. Este trabalho visa realizar um levantamento sorológico da neosporose e toxoplasmose em bovinos, pela pesquisa de anticorpos anti-N. caninum e anti-T. gondii, pela reação de Imunofluorescência Indireta (IFI) no soro sanguíneo de bovinos do estado do Rio Grande do Sul, procedentes de diferentes municípios. (AU)