Busca avançada
Ano de início
Entree

Treinamento em caracterização do modelo murino transgênico JAK2V617F

Processo: 17/01948-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Programa Capacitação - Treinamento Técnico
Vigência (Início): 01 de abril de 2017
Vigência (Término): 31 de julho de 2017
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Genética - Genética Animal
Pesquisador responsável:Lorena Lôbo de Figueiredo Pontes
Beneficiário:Talita Perez Sanches
Instituição-sede: Hemocentro de Ribeirão Preto. Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da USP (HCMRP). Secretaria da Saúde (São Paulo - Estado). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:15/21866-1 - Regulação da célula-tronco hematopoética normal e neoplásica mediada por citocinas secretadas pelas células natural killer, AP.JP
Assunto(s):Animais geneticamente modificados   Neoplasias   Biologia molecular

Resumo

Os camundongos transgênicos vavCre e Jak2wt/Fl (V617F), ambos de background C57BL/6 Ly5.2, foram doados para a pesquisadora responsável pelos colaboradores internacionais Dr. Daniel Tenen (vavCre) e Dr. Susumu Kobayashi (Jak2wt/V617F), ambos da Harvard Medical School. Após cruzamento dos camundongos Jak2wt/Fl com animais vavCre, nos quais a cre-recombinase é expressa sob o controle do gene regulatório murino vav, especificamente em células das linhagens hematopoética e endotelial, a expressão germinativa da Jak2V617F é obtida. A recombinação cre ocorre em duas etapas, uma que remove o éxon selvagem (wt) e a outra que coloca a mutação V617F em orientação normal para a transcrição. Este modelo é inédito no Brasil. As colônias já foram submetidas à expansão inicial na Instituição para manutenção da colônia. Para realização de estudos que usam como ferramenta este modelo murino, os animais devem ser mantidos em expansão. As células dos animais doentes (Jak2 wt/V617F) e controles podem ser utilizadas diretamente dos animais gerados na colônia ou servir para transplante de medula óssea murino com objetivo de gerar neoplasia mieloproliferativa em receptores letalmente irradiados (background C57BL/6 Ly5.1). Assim, pretende-se treinar e capacitar um bolsista para realizar os procedimentos de experimentação animal e viabilizar a caracterização contínua e prospectiva da colônia de animais transgênicos Jak2V617F. Esta caracterização é essencial para o desenvolvimento deste e de outros projetos de pesquisa que envolvam o estudo das neoplasias mieloproliferativas na Instituição. (AU)