Busca avançada
Ano de início
Entree

Explicação teleológica na embriologia de Aristóteles

Processo: 16/00624-2
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de abril de 2017
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2019
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Filosofia - História da Filosofia
Pesquisador responsável:Lucas Angioni
Beneficiário:Nicola Carraro
Instituição-sede: Instituto de Filosofia e Ciências Humanas (IFCH). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Filosofia antiga   Teleologia   Aristóteles   Embriologia humana   Envelhecimento   Decadência

Resumo

Neste projeto pretendo investigar o uso da explicação teleológica na embriologia de Aristóteles. Minha pesquisa se concentrará em alguns dos desafios que Aristóteles tem de enfrentar ao propor uma explicação teleológica sobre o desenvolvimento embrionário. Mais particularmente, a pesquisa se concentrará em algumas questões específicas: o estatuto ontológico do embrião, o problema da geração espontânea, a noção aristotélica de monstro, e os fenômenos do envelhecimento e decadência. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
CARRARO, NICOLA. Dualisers in Aristotle's Biology. APEIRON-A JOURNAL FOR ANCIENT PHILOSOPHY AND SCIENCE, v. 52, n. 2, p. 137-165, APR 2019. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.