Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeitos do estresse crônico moderado sobre a aprendizagem de discriminação visual em ratos Wistar

Processo: 16/12734-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de maio de 2017
Vigência (Término): 30 de abril de 2018
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Psicologia - Psicologia Experimental
Pesquisador responsável:Andréia Schmidt
Beneficiário:Vítor Pansarim
Instituição-sede: Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto (FFCLRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Assunto(s):Ratos Wistar   Comportamento animal   Transtornos de estresse traumático agudo   Estresse crônico   Aprendizagem animal

Resumo

A aprendizagem de não humanos pode ser influenciada por diversas variáveis, incluindo as de natureza biológica, como sexo, restrição alimentar e nível de estresse. Experimentos que investigam os efeitos do estresse sobre a aprendizagem em não humanos utilizam-se de modelos de estresse agudo, nos quais a situação de estresse é intensa e passageira, e modelos crônico, nos quais a situação de estresse é contínua e de média ou longa duração. Pesquisas que investigaram o efeito do estresse sobre a aprendizagem em ratos encontraram resultados diferentes, sendo que aquelas que aplicaram estressores crônicos de menor intensidade e duração, ou agudos, verificaram um efeito positivo sobre a aprendizagem, e as que aplicaram estressores crônicos de maior intensidade e duração verificaram um efeito negativo. É esperado que um modelo de estresse crônico comprometa o desempenho de ratos em uma tarefa de discriminação. Sendo assim, o objetivo desta pesquisa será de investigar o efeito de estressores crônicos moderados sobre a aprendizagem de discriminação visual. Para isso, ratos Wistar (dez machos) serão divididos em dois grupos. Os sujeitos do grupo experimental serão expostos a estressores crônicos moderados (Chronic mild stress) por pelo menos três semanas e, posteriormente, por um procedimento de ensino de uma discriminação visual simultânea, enquanto o grupo controle passará apenas pela discriminação visual. A preferência por uma solução de sacarose será mensurada durante todo o experimento. Além disso, os animais dos dois grupos serão expostos ao labirinto aquático de Morris. Serão comparados o número de sessões necessárias para concluir a aprendizagem da tarefa de discriminação e a performance no Labirinto Aquático de Morris entre os grupos. (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.