Busca avançada
Ano de início
Entree

Um estudo da autogravidade do disco de planetesimais no modelo de Nice e a formação dinâmica do Cinturão de Kuiper

Processo: 17/09919-8
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Doutorado
Vigência (Início): 01 de setembro de 2017
Vigência (Término): 31 de agosto de 2018
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Astronomia - Astronomia do Sistema Solar
Pesquisador responsável:Ernesto Vieira Neto
Beneficiário:Rafael Ribeiro de Sousa
Supervisor no Exterior: Alessandro Morbidelli
Instituição-sede: Faculdade de Engenharia (FEG). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Guaratinguetá. Guaratinguetá , SP, Brasil
Local de pesquisa : Observatoire de la Côte d'Azur (OCA), França  
Vinculado à bolsa:15/15588-9 - A estabilidade na evolução dinâmica do sistema solar via modelo de Nice, BP.DR
Assunto(s):Sistema solar   Dinâmica orbital

Resumo

Por três seculos astrônomos e matemáticos tem estudado o problema da formação e evolução do nosso Sistema Solar. Uma das formas de estudar a formação do Sistema Solar é através de simulações numéricas. O modelo de Nice é um modelo científico para descrever a evolução dinâmica do Sistema Solar pela simulação do problema gravitacional de N corpos. O modelo de Nice explica alguns vínculos observacionais do Sistema Solar atual como os elementos keplerianos dos planetas gigantes, a captura de satélites e troianos de Júpiter e Netuno, a evolução secular dos planetas terrestres e a evolução do cinturão principal de asteroides. No entanto, duas importantes características do Sistema Solar ainda estão em aberto: O tempo de instabilidade e a formação do cinturão de Kuiper. Além disso, as simulações do modelo de Nice tratam apenas as interações entre os planetas e entre os planetas e os planetesimais, mas elas não consideram a interação entre os planetesimais, isto é a autogravidade do disco de planetesimais. A proposta deste projeto é incluir a autogravidade do disco de planetesimais dentro das principais fases dinâmicas descritas no modelo de Nice para estudar suas implicações no tempo de instabilidade e a formação dinâmica do cinturão de Kuiper.

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.