Busca avançada
Ano de início
Entree

O Império nas imagens: a Expo'98 e a (re)construção iconográfica do Império Português

Processo: 17/06557-8
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de julho de 2017
Vigência (Término): 31 de agosto de 2017
Área do conhecimento:Ciências Humanas - História - História Moderna e Contemporânea
Pesquisador responsável:Ana Paula Torres Megiani
Beneficiário:Lair de Paiva Junior
Supervisor no Exterior: Miguel Filipe Ferreira Figueira de Faria
Instituição-sede: Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Local de pesquisa : Universidade Autónoma de Lisboa (UAL), Portugal  
Vinculado à bolsa:16/16798-0 - O Império nas imagens: a Expo'98 e a (re) construção iconográfica do Império Português, BP.IC
Assunto(s):História ibérica   Alteridade   Império Português   Exposições

Resumo

Este projeto de estágio (BEPE) vem reforçar aquilo que havíamos previsto em nosso projeto de Iniciação Científica aprovado pela FAPESP: parte estruturante das fundamentações de nossa pesquisa (assim como a contribuição qualitativa que pretendemos oferecer) depende, sobremaneira, da análise de artefatos, imagens e documentos, conservados, exclusivamente, em acervos e bibliotecas portuguesas. Sendo assim, em um levantamento prévio, localizamos, em instituições portuguesas, três tipos de fontes - artefatos (museus), documentos oficiais (acervos), e fontes orais (entrevistas com historiadores que estiveram ligados à Expo98) - a serem analisadas e confrontadas, por meio de métodos comparativos, juntamente com as questões que levantamos em nosso projeto, agora em andamento: teria o discurso editorial e curatorial da Expo98 superado aquele proposto pela comissão da Exposição de 1940; em caso afirmativo, o que teria mudado e quais as motivações (?). No intuito de apresentar um texto denso, coeso e colaborativo para novas discussões sobre a construção do conjunto discursivo em questão, planejamos nosso estágio objetivando executar quatro ações que não só complementarão nosso trabalho como um todo, mas, por certo, também nos propiciará algum amadurecimento intelectual. Pretendemos, a saber: entrevistas com historiadores e com alguns dos Comissários da Expo98; consultas a acervos e bibliotecas; participação em atividades acadêmicas promovidas por grupos de pesquisas sobre história e arte; e, por último, apresentação de nosso trabalho a estes grupos em suas respectivas universidades. (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.