Busca avançada
Ano de início
Entree

Mapeamento de fácies hidroquímicas no Aquífero Serra Geral em território brasileiro

Processo: 17/05609-4
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de junho de 2017
Vigência (Término): 31 de maio de 2018
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Geociências - Geologia
Pesquisador responsável:Didier Gastmans
Beneficiário:Carolina Stager Quaggio
Instituição-sede: Centro de Estudos Ambientais (CEA). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Rio Claro. Rio Claro , SP, Brasil
Assunto(s):Geoquímica   Aquíferos   Bacia do Paraná   Facies

Resumo

Inserido no contexto hidrogeológico da Bacia Sedimentar do Paraná, o Aquífero Serra Geral (ASG) representa um importante reservatório de águas subterrâneas em função da qualidade de suas águas, que são utilizadas para abastecimento público, agricultura e indústria. O ASG se estende pelos territórios brasileiro, argentino, paraguaio e uruguaio. No Brasil, ocorre nos estados de Mato Grosso do Sul, Paraná, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e São Paulo. Sotoposto ao ASG, se encontra o Sistema Aquífero Guarani (SAG) também de grande importância na hidrogeologia brasileira. Apesar da importância do ASG, apenas estudos localizados foram realizados, e sua caracterização hidroquímica regional e relações com o SAG, pouco foram pesquisadas. Alguns estudos indicam uma ascensão das águas do SAG para o ASG. O objetivo deste trabalho é a caracterização hidroquímica regional do ASG por meio do mapeamento das fácies hidroquímicas, possibilitando uma nova visão de atuação para administradores e usuários da água proveniente dos reservatórios. Além de abrir uma nova vertente de exploração acadêmica. (AU)