Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo de compostos orgânicos voláteis como biomarcadores do câncer em amostras de urina empregando SPME e análise por GCxGC-TOF-MS

Processo: 17/10387-0
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Doutorado Direto
Vigência (Início): 01 de agosto de 2017
Vigência (Término): 30 de novembro de 2017
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Analítica
Pesquisador responsável:Bruno Spinosa de Martinis
Beneficiário:Fernanda Ferreira da Silva Souza Monedeiro
Supervisor no Exterior: Boguslaw Buszewski
Instituição-sede: Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto (FFCLRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Local de pesquisa : Nicolaus Copernicus University, Polônia  
Vinculado à bolsa:13/19653-4 - Investigação de compostos orgânicos voláteis em amostras de suor como biomarcadores no diagnóstico de câncer, BP.DD
Assunto(s):Compostos orgânicos voláteis   Neoplasias   Biomarcadores   Processos bioquímicos   Cromatografia gasosa-espectrometria de massas

Resumo

Compostos orgânicos voláteis (VOCs) são produzidos no corpo humano através de processos bioquímicos, o que leva à hipótese de que perfis distintos de substâncias podem ser apresentados no caso de condições normais ou patológicas. Uma vez produzidos pelo metabolismo humano, esses compostos são excretados no ar exalado e fluidos biológicos como saliva, sangue, suor e urina. A análise de VOCs em amostras biológicas têm sido considerada uma ferramenta valiosa na descoberta de biomarcadores, através da detecção de compostos específicos. Diferentes técnicas analíticas têm sido usadas para este propósito, a maioria delas baseando-se em métodos cromatográficos. Cromatografia gasosa acoplada a espectrômetro de massas pode ser um método adequado para tarefa de determinação e identificação de substâncias, contudo, os baixos níveis de concentração em que os VOCs se encontram nas amostras biológicas requere o emprego de uma técnica de pré-concentração. Geralmente, técnicas de micro-extração como a micro-extração em fase sólida (SPME) têm sido empregadas para efetiva extração de VOCs. O presente projeto possui foco em VOCs de amostras de urina de pacientes com doenças do trato urinário. Em adição, amostras de controles saudáveis serão examinadas. Cromatografia gasosa bi-dimensional (GCxGC) acoplada a espectrometria de massas com analisador por tempo de vôo (TOF-MS) será realizada para aquisição de um perfil completo de VOCs e determinações sensíveis. O objetivo principal deste projeto é a investigação de VOCs existentes nas amostras de urina como potenciais marcadores do câncer. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
MILANOWSKI, MACIEJ; MONEDEIRO, FERNANDA; ZLOCH, MICHAL; RATIU, ILEANA-ANDREEA; POMASTOWSKI, PAWEL; LIGOR, TOMASZ; DE MARTINIS, BRUNO S.; BUSZEWSKI, BOGUSLAW. Profiling of VOCs released from different salivary bacteria treated with non-lethal concentrations of silver nitrate. Analytical Biochemistry, v. 578, p. 36-44, AUG 1 2019. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.