Busca avançada
Ano de início
Entree

Da informação ao acolhimento psicológico: o incentivo ao parto normal nas UBSs Bonfim, Central e Fiúza, na cidade de Assis, SP

Processo: 16/22367-1
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de maio de 2017
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2017
Área do conhecimento:Interdisciplinar
Pesquisador responsável:Gustavo Henrique Dionisio
Beneficiário:Thais Maria Silva Costa
Instituição-sede: Faculdade de Ciências e Letras (FCL-ASSIS). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Assis. Assis , SP, Brasil
Assunto(s):Saúde pública   Humanização   Assistência pré-natal   Acolhimento   Medicalização   Gestantes   Cesárea   Parto normal   Assis (SP)

Resumo

A Organização Mundial da Saúde considera 80% das gestações um evento natural de baixo risco, sendo assim, torna-se desnecessário recorrer a cesárea caso o parto normal não ofereça nenhum risco a saúde da mãe e bebê(s). Observadas as altas e crescentes taxas de cesarianas no Brasil, é necessária a problematização do fenômeno e a compreensão dos reais motivos que levam esse tipo de parto quase sempre ser indicado por profissionais da saúde e aceito pelas gestantes. Para este estudo, partimos do pressuposto de que a falta de incentivo ao parto normal é uma consequência do fenômeno de medicalização do social. Visto isso, o objetivo principal do projeto é investigar como se dá a relação entre gestantes e trabalhadores das UBSs da cidade de Assis, SP, através de entrevistas com cinco gestantes por UBSs e trabalhadores, que terão como foco o tipo de atendimento e acolhida que as gestantes recebem durante seu pré-natal. Queremos descobrir se há oferta de informações para que elas escolham o seu parto de maneira consciente e, também, se recebem um atendimento humanizado, que também de atenção a seus medos e receios e as prepare para o parto e para o que vem em seguida. (AU)