Busca avançada
Ano de início
Entree

Uma solução sustentável contra doenças tropicais negligenciadas utilizando biossurfactantes produzidos por leveduras em hidrolisado hemicelulósico de bagaço de cana-de-açúcar

Processo: 16/14852-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de junho de 2017
Situação:Interrompido
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Microbiologia - Microbiologia Aplicada
Convênio/Acordo: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Pesquisador responsável:Silvio Silvério da Silva
Beneficiário:Paulo Ricardo Franco Marcelino
Instituição-sede: Escola de Engenharia de Lorena (EEL). Universidade de São Paulo (USP). Lorena , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:16/10636-8 - Da fábrica celular à biorrefinaria integrada Biodiesel-Bioetanol: uma abordagem sistêmica aplicada a problemas complexos em micro e macroescalas, AP.BIOEN.TEM
Bolsa(s) vinculada(s):19/19757-0 - Avaliação da interação de biossurfactante do tipo soforolipídico com modelos de membranas fosfolipídicas, BE.EP.PD
Assunto(s):Doenças negligenciadas   Biossurfactantes   Bagaço de cana-de-açúcar   Hidrolisado hemicelulósico

Resumo

O Brasil vem passando por um momento de extrema atenção na saúde pública. Casos de dengue, zika e chikungunya têm aumentado de forma vertiginosa ano após ano, causando preocupação nas autoridades de saúde pública e na sociedade. Recentemente, o mosquito Aedes aegypti, tornou-se o foco de várias pesquisas e campanhas governamentais para a sua eliminação, e consequentemente, a diminuição dos índices relacionados as doenças tropicais negligenciadas por ele transmitidas. Devido à resistência que o A. aegypti apresenta aos compostos larvicidas e inseticidas comumente utilizados, tem sido necessário prospectar novas substâncias a serem empregadas no controle deste vetor. Recentemente, alguns estudos demonstraram o potencial larvicida dos biossurfactantes microbianos e óleos essenciais vegetais. A estratégia de se utilizar os biossurfactantes e óleos essenciais em formulações larvicidas é de extrema importância para o cenário nacional e mundial. Além de se combater o A. aegypti e as moléstias por ele transmitidas, tais produtos (biossurfactantes e óleos essenciais vegetais) são ditos sustentáveis, ecologicamente corretos e vão de encontro as necessidades de desenvolvimento sustentável, química verde, processos industriais limpos e a ascensão de biorrefinarias lignocelulósicas para a obtenção de bio based products e agregação de valor a subprodutos agroindustriais. Neste sentido, o presente trabalho visa a produção de formulações larvicidas a base de biossurfactantes, produzidos por leveduras em meio de cultivo suplementado com hidrolisado hemicelulósico de bagaço de cana-de-açúcar, e óleo essencial de laranja, matérias-primas abundantes no Brasil, e a caracterização destas formulações com o intuito de se desenvolver um produto tecnológico e sustentável para o combate de A. aegypti. (AU)

Publicações científicas (4)
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
VIEIRA, MATHEUS MAITAN; KADOGUCHI, ELEN; SEGATO, FERNANDO; DA SILVA, SILVIO S.; CHANDEL, ANUJ K. Production of cellulases byAureobasidium pullulansLB83: optimization, characterization, and hydrolytic potential for the production of cellulosic sugars. PREPARATIVE BIOCHEMISTRY & BIOTECHNOLOGY, AUG 2020. Citações Web of Science: 0.
JIMENEZ, ITZCOATL M.; CHANDEL, ANUJ K.; MARCELINO, PAULO R. F.; ANJOS, VIRGILIO; COSTA, CASSIANO BATESTTIN; BELL, MARIA JOSE V.; PEREIRA, BARBARA; DA SILVA, SILVIO S. Comparative data on effects of alkaline pretreatments and enzymatic hydrolysis on bioemulsifier production from sugarcane straw by Cutaneotrichosporon mucoides. Bioresource Technology, v. 301, APR 2020. Citações Web of Science: 0.
MARCELINO, P. R. F.; PERES, G. F. D.; TERAN-HILARES, R.; PAGNOCCA, F. C.; ROSA, C. A.; LACERDA, T. M.; DOS SANTOS, J. C.; DA SILVA, S. S. Biosurfactants production by yeasts using sugarcane bagasse hemicellulosic hydrolysate as new sustainable alternative for lignocellulosic biorefineries. INDUSTRIAL CROPS AND PRODUCTS, v. 129, p. 212-223, MAR 2019. Citações Web of Science: 1.
FRANCO MARCELINO, PAULO RICARDO; DA SILVA, VINICIUS LUIZ; PHILIPPINI, RAFAEL RODRIGUES; VON ZUBEN, CLAUDIO JOSE; CONTIERO, JONAS; DOS SANTOS, JULIO CESAR; DA SILVA, SILVIO SILVERIO. Biosurfactants produced by Scheffersomyces stipitis cultured in sugarcane bagasse hydrolysate as new green larvicides for the control of Aedes aegypti, a vector of neglected tropical diseases. PLoS One, v. 12, n. 11 NOV 10 2017. Citações Web of Science: 5.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.