Busca avançada
Ano de início
Entree

Galleria mellonella como modelo experimental para estudo de periodontopatógenos

Processo: 17/05439-1
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de junho de 2017
Vigência (Término): 31 de maio de 2018
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia
Pesquisador responsável:Ana Lia Anbinder
Beneficiário:Aline de Castro Santos
Instituição-sede: Instituto de Ciência e Tecnologia (ICT). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de São José dos Campos. São José dos Campos , SP, Brasil
Assunto(s):Doenças periodontais   Periodonto   Patógenos   Porphyromonas gingivalis   Fusobacterium nucleatum   Prevotella intermedia   Galleria mellonella   Infecção experimental   Modelo experimental   Modelos animais

Resumo

Micro-organismos Gram-negativos, como Porphyromonas gingivalis, Fusobacterium nucleatum e Prevottella intermedia, são relacionados à doença periodontal. O uso de insetos, como a Galleria mellonella, tem sido considerado como um promissor modelo para infecção experimental. Essas larvas possuem grandes similaridades, tanto estrutural quanto funcional, com o sistema imune inato dos mamíferos, além de seu uso apresentar diversas vantagens como, baixo custo, fácil criação e manutenção, e eficiência na reprodução de infecções. Até onde vai nosso conhecimento, existe apenas um estudo em G. mellonella que utilizou periodontopatógeno. Dessa forma, o objetivo do presente estudo é avaliar a G. mellonella como um modelo animal para o estudo de periodontopatógenos (Porphyromonas gingivalis, Fusobacterium nucleatum e Prevotella intermedia). Em G. mellonella, após a infecção com os periodontopatógenos, será avaliada a curva de sobrevivência e densidade hemocitária em 3 h e 24 h, assim como a contagem de UFC/mL após a recuperação dos micro-organismos da hemolinfa. Os dados serão analisados com o teste estatístico apropriado, ao nível de significância de 5%.