Busca avançada
Ano de início
Entree

Desenvolvimento do Bacilo Calmette-Guerin recombinante na imunoterapia tumoral

Processo: 17/01921-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de junho de 2017
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2017
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Bioquímica - Biologia Molecular
Pesquisador responsável:Luciana Cezar de Cerqueira Leite
Beneficiário:Kauan Ribeiro de Sena Gomes
Instituição-sede: Instituto Butantan. Secretaria da Saúde (São Paulo - Estado). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Vacinas   Imunoterapia   Biotecnologia   Neoplasias

Resumo

O Bacilo Calmette-Guérin recombinante (rBCG) é um dos vetores vacinais mais amplamente usados no mundo devido ao seu grande poder adjuvante e capacidade de elicitar uma resposta imune prolongada. Ferramentas de biologia molecular têm permitido a construção de bacilos com antígenos não próprios, capazes de direcionar a resposta imune para perfis mais adequados ao combate de doenças e patógenos, como a tuberculose e o câncer de bexiga. Essas doenças exigem uma resposta com um perfil mais Th1 para alcançar um melhor desfecho terapêutico. Por meio do estudo do nível de expressão de antígeno e seu efeito sobre a resposta imune, com o aumento de citocinas Th1, como IFN-³ e IL-2, pode-se construir vacinas recombinantes mais específicas e com melhor desempenho, capazes de explorar o potencial imunoterapêutico do direcionamento imunológico no combate a doenças. O presente projeto visa a construção de bacilos recombinantes capazes de expressar uma molécula com característica adjuvante, a subunidade A da enterotoxina termolábil de E. coli (LTAK63), sob o controle de uma biblioteca de promotores com forças de expressão diferentes, avaliar o nível de expressão desse antígeno e o potencial imunoterapêutico desses bacilos contra modelos de células de câncer de bexiga. O objetivo é avaliar o efeito da força de expressão do antígeno sobre o desempenho terapêutico contra as células de câncer de bexiga. O estudo poderá fornecer informações capazes de integrar os níveis de expressão molecular com a modulação da resposta antitumoral para iniciar uma análise seguindo uma abordagem de sistemas.