Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo químico e ecológico da actinobactéria MG28-1.10 isolada de machos alados de Mycocepurus goeldii

Processo: 17/05920-1
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de julho de 2017
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2017
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Orgânica
Pesquisador responsável:Mônica Tallarico Pupo
Beneficiário:Gabriela Toninato de Paula
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Farmacêuticas de Ribeirão Preto (FCFRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Assunto(s):Actinobactéria   Mycocepurus goeldii   Simbiose   Produtos naturais   Química de produtos naturais

Resumo

A função ecológica das defesas químicas produzidas por bactérias simbiontes de formigas agricultoras (inibir o crescimento de fungos patogênicos preservando os jardins de fungo-alimento e o inseto hospedeiro) está alinhada aos requerimentos terapêuticos para antifúngicos, anticancerígenos e antiparasitários. A caracterização química e biológica preliminar da actinobactéria MG28-1.10, isolada a partir de machos alados coletados antes do voo nupcial de formigas agricultoras da espécie Mycocepurus goeldii, forneceu subsídios para que este micro-organismo fosse selecionado como objeto de estudo deste projeto de Iniciação Científica. Este projeto propõe, portanto, o estudo químico dessa actinobactéria, como também o estudo de sua interação ecológica com fungos do gênero Escovopsis, patógenos específicos de jardins de fungos. Para o desenvolvimento desse trabalho a linhagem MG28-1.10 será cultivada em escala ampliada para a obtenção de extratos, análise do perfil químico, isolamento de substâncias ativas frente ao fungo Escovopsis bem como a realização de diferentes técnicas de co-cultivo com os micro-organismos MG28-1.10 e Escovopsis. Com isso, esse projeto irá contribuir para o sucesso da identificação de novas substâncias bioativas, utilizando estratégias baseadas nas interações químicas e ecológicas entre micro-organismos simbiontes de formigas agricultoras e fungos patógenos de jardins de fungo-alimento. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
ORTEGA, HUMBERTO E.; BATISTA, JR., JOAO M.; MELO, WEILAN G. P.; DE PAULA, GABRIELA T.; PUPO, MONICA T. Structure and Absolute Configuration of Secondary Metabolites from Two Strains of Streptomyces chartreusis Associated with Attine Ants. Journal of the Brazilian Chemical Society, v. 30, n. 12, SI, p. 2672-2680, DEC 2019. Citações Web of Science: 0.
HUMBERTO E. ORTEGA; JOÃO M. BATISTA JR.; WEILAN G. P. MELO; GABRIELA T. DE PAULA; MÔNICA T. PUPO. Structure and Absolute Configuration of Secondary Metabolites from Two Strains of Streptomyces chartreusis Associated with Attine Ants. Journal of the Brazilian Chemical Society, v. 30, n. 12, p. 2672-2680, Dez. 2019.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.