Busca avançada
Ano de início
Entree

Mecanismos moleculares disparados por nanopartículas lipídicas sólidas em células de próstata PNT2 e PC-3: avaliação da via do TGF-²

Processo: 17/10249-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de julho de 2017
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2017
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Bioquímica - Enzimologia
Pesquisador responsável:Marcelo Bispo de Jesus
Beneficiário:Fernanda Garcia Fóssa
Instituição-sede: Instituto de Biologia (IB). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:14/03002-7 - Internalização e tráfego intracelular de nanopartículas: atividade biológica e perfil nanotoxicológico, AP.JP
Assunto(s):Células eucarióticas   Neoplasias da próstata   Nanopartículas lipídicas sólidas   Transdução de sinais   Nanotecnologia

Resumo

O uso de nanopartículas compreende aplicações promissoras na medicina. Destacam-se as Nanopartículas lipídicas sólidas (NLS) por serem produzidas com componentes biodegradáveis e biocompatíveis. Diversos estudos demonstram que essas nanopartículas são internalizadas pelas células, são processadas e muito tem-se estudado sobre seus efeitos terapêuticos, mas pouco se sabe sobre seus efeitos em vias de sinalização intracelular. O estudo da endocitose associado à sinalização se faz necessário para melhor entender os impactos dessas nanopartículas em células eucarióticas. Resultados prévios de nosso laboratório mostram uma correlação entre internalização de NLS e a translocação de Smad2/3 fosforilada para o núcleo de células de câncer de próstata (PC-3). A Smad2/3 fosforilada é relacionada com a ativação da via de sinalização do TGF-Beta. Essa via está relacionada com estágios avançados do câncer, aumentando a migração e invasão celular quando desregulada. A presente proposta pretende avaliar os efeitos da transfecção por NLS na via de sinalização do TGF-Beta, observando quais são as consequências para o metabolismo celular de células normais de próstata PNT2 e células de câncer de próstata PC-3 na possível ativação da via do TGF-Beta. (AU)