Busca avançada
Ano de início
Entree

Modificação e caracterização de eletrodos de baixo custo com material derivado de ácido 3-amino-4-hidroxibenzóico visando o desenvolvimento de genossensor aplicado ao diagnóstico do Zika vírus

Processo: 17/07436-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de julho de 2017
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2019
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Saúde Coletiva - Saúde Pública
Convênio/Acordo: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Pesquisador responsável:Maria Del Pilar Taboada Sotomayor
Beneficiário:Rafael da Fonseca Alves
Instituição-sede: Instituto de Química (IQ). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Araraquara. Araraquara , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):18/09596-7 - Polímero molecularmente impresso de biotina para isolamento e detecção de oligonucleotídeos específicos do Zika Vírus biotinilados com Lateral Flow e sistema eletroquímico, BE.EP.MS
Assunto(s):Técnicas biossensoriais   Vírus Zika

Resumo

O vírus Zika é um agente causador de doenças infecciosas que se espalha nos seres humanos através dos mosquitos Aedes aegypti e Aedes albopictus, que são vetores do vírus. Há diversos mecanismos de transmissão, incluindo de mãe para filho, a transmissão durante a gravidez, podendo levar à microcefalia em recém-nascidos e também outros defeitos de nascimento. Os esforços para monitorar e controlar a infecção pelo Zika vírus globalmente são muito limitados e aparentam-se insuficientes devido à falta de responsabilização, falta de organização e indisponibilidade de medicamentos, vacinas e ferramentas de diagnóstico. No contexto do desenvolvimento de novas metodologias de diagnóstico a construção de sensores biológicos, também conhecidos como biossensores, tem se tornado uma atividade ampla no ramo da ciência visando principalmente questões de cuidados com a saúde e problemas com o meio ambiente. O desenvolvimento desses biossensores em laboratório tem sido trabalhado por vários grupos de pesquisa, buscando dispositivos específicos, de baixo custo, de fácil manuseio e preparação. As técnicas eletroquímicas concentram o maior número de trabalhos realizados devido à facilidade no processo e na instrumentação, permitindo obter resultados rápidos e confiáveis. Neste sentido eletrodos modificados com polímeros condutores são opções viáveis, pois melhoram a resposta analítica além de auxiliar na imobilização das biomoléculas. Assim este trabalho visa o estudo das propriedades eletroquímicas e morfológicas de materiais derivados do monômero ácido 3-amino-4-hidroxibenzóico (AAHB) sob a superfície de eletrodos de grafite de lapiseira e eletrodos impressos de grafite visando a construção de um genossensor aplicado ao diagnóstico do Zika vírus. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
ALVES, RAFAEL DA FONSECA; FRANCO, DIEGO LEONI; CORDEIRO, MARLI TENORIO; DE OLIVEIRA JUNIOR, ERNESTO MARQUES; FIREMAN DUTRA, ROSA AMALIA; TABOADA SOTOMAYOR, MARIA DEL PILAR. Novel electrochemical genosensor for Zika virus based on a poly-(3-amino-4-hydroxybenzoic acid)-modified pencil carbon graphite electrode. SENSORS AND ACTUATORS B-CHEMICAL, v. 296, OCT 1 2019. Citações Web of Science: 3.
Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
ALVES, Rafael da Fonseca. Modificação e caracterização de eletrodos de baixo custo com material derivado de ácido 3-amino-4-hidroxibenzóico visando o desenvolvimento de genossensor aplicado ao diagnóstico do zika vírus. 2019. 107 f. Dissertação de Mestrado - Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" Instituto de Química..

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.