Busca avançada
Ano de início
Entree

Nanopartículas fotossensibilizadoras funcionalizadas com peptídeos bioativos

Processo: 17/10947-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de julho de 2017
Vigência (Término): 30 de junho de 2018
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química
Pesquisador responsável:Dayane Batista Tada
Beneficiário:Suellen Rosa dos Santos
Instituição-sede: Instituto de Ciência e Tecnologia (ICT). Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Campus São José dos Campos. São José dos Campos , SP, Brasil
Assunto(s):Nanopartículas   Peptídeos   Terapia fotodinâmica   Melanoma   Portadores de fármacos

Resumo

O uso de nanopartículas (NPs) para o transporte de fármacos tem sido amplamente estudado e desenvolvido ao redor do mundo. As NPs atuam como carreadores, liberadores de fármacos ou como um novo fármaco. As NPs podem proteger os fármacos de interferências do meio externo para que atinjam seu alvo de tratamento em sua forma ativa. O presente projeto de pesquisa propõe a síntese de NPs de ouro para terapia de melanoma metastático. Para que tenham alta eficiência terapêutica essas NPs serão utilizadas como uma plataforma para acoplar dois tipos de terapias diferentes, uma baseada na ação de peptídeos bioativos e outra baseada na terapia fotodinâmica. Assim, as NPs serão funcionalizadas com peptídeos bioativos de comprovada ação antitumoral e também com um fotossensibilizador. Apesar da alta eficiência in vitro desses peptídeos e do fotossensibilizador, a eficiência in vivo foi limitada devido à baixa estabilidade dessas moléculas em meio biológico. O presente projeto visa aprimorar a eficiência terapêutica não apenas protegendo os fármacos de degradação no meio biológico, mas também pelo direcionamento ativo ao tecido tumoral. Ainda, no caso do fotossensibilizador espera-se que a sua ligação em uma superfície metálica intensifique sua fotoatividade devido ao acoplamento de elétrons. (AU)