Busca avançada
Ano de início
Entree

Artistas franceses no Rio de Janeiro: formação na França e circulação de modelos artísticos no Brasil entre 1840 e 1884

Processo: 17/08266-0
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Pesquisa
Vigência (Início): 03 de novembro de 2017
Vigência (Término): 30 de janeiro de 2018
Área do conhecimento:Linguística, Letras e Artes - Artes - Fundamentos e Crítica das Artes
Pesquisador responsável:Elaine Cristina Dias
Beneficiário:Elaine Cristina Dias
Anfitrião: Jacques Leenhardt
Instituição-sede: Escola de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (EFLCH). Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Campus Guarulhos. Guarulhos , SP, Brasil
Local de pesquisa : École des Hautes Études en Sciences Sociales (EHESS), França  
Assunto(s):História da arte   Século XIX   Exposições

Resumo

Um grande número de artistas franceses residiram no Rio de Janeiro durante o século XIX. As Exposições Gerais da Academia Imperial de Belas Artes realizadas entre 1840 e 1884 (respectivamente, data de início e da última mostra do período imperial) nos revelam sua inserção no sistema artístico brasileiro e as obras produzidas, levando-nos a compreender sua atuação na corte de d. Pedro II para além do universo acadêmico. Estes artistas, em torno de quarenta, abriram ateliês, atendiam encomendas públicas e privadas, participavam de exposições particulares, abriram escolas de arte, colecionavam e mantinham uma estreita relação com a política imperial. Pouco sabemos, no entanto, sobre sua vida artística anterior à chegada ao Brasil. Pretende-se, neste projeto, a ser desenvolvido na EHESS - École des Hautes Études en Sciences Sociales em Paris, pesquisar suas formações nos arquivos e bibliotecas da França, assim como entender sua atuação no sistema francês e os modelos artísticos trazidos por ele ao Rio de Janeiro, para compreender como se deu sua circulação, além de seus métodos e das obras que produziram no âmbito da arte e da cultura do Brasil.