Busca avançada
Ano de início
Entree

Purificação do biossurfactante Ramnolipídeo por precipitação visando aplicações em repelentes contra o Aedes aegypti

Processo: 17/11907-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de agosto de 2017
Vigência (Término): 31 de julho de 2018
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Química - Operações Industriais e Equipamentos para Engenharia Química
Pesquisador responsável:Igor Tadeu Lazzarotto Bresolin
Beneficiário:Matheus Cabulon Ferreira
Empresa:DC Química, Representação e Comércio de Produtos Químicos Ltda
Vinculado ao auxílio:16/06090-0 - Ramnolipídeo: um repelente natural contra o Aedes aegypti, AP.PIPE
Assunto(s):Precipitação   Ramnolipídeo   Biossurfactantes   Repelentes de insetos   Aedes aegypti

Resumo

Os ramnolipídeos são um tipo de biossurfactante que, segundo a literatura, apresentam um potencial promissor contra o mosquito Aedes aegypti e, devido a isso, há uma grande necessidade de se estudar técnicas de purificação e recuperação, de modo a se conseguir encontrar as melhores condições para uma produção em larga escala que seja economicamente viável futuramente. De maneira geral, a precipitação é uma das técnicas de purificação mais utilizadas devido a sua simplicidade e baixo custo. Assim, este trabalho tem como objetivo a purificação do biossurfactante ramnolipídeo, por meio do estudo de diferentes técnicas de precipitação, como a ácida (ácido sulfúrico e clorídrico), a com solventes orgânicos (acetona e etanol), a por "salting-out" (sulfato de amônio) e a por sal volátil (carbamato de amônio), sendo esta última inédita para essa aplicação. Para os ramnolipídeos purificados, serão realizadas as caracterizações das propriedades físico-químicas (tensão superficial e interfacial, concentração micelar crítica e índice de emulsificação), caracterizações estruturais (FTIR, RMN e ESI-MS), além de estudos de estabilidade de pH, temperatura e força iônica. Deste modo, almeja-se determinar qual das técnicas de precipitação é a mais adequada e viável de ser aplicada, contribuindo, assim, para a literatura científica e para a indústria que atua no segmento de pesquisa e desenvolvimento neste campo, visando futuras aplicações em repelentes contra o mosquito Aedes aegypti. (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.