Busca avançada
Ano de início
Entree

Bioluminescência em Dosidicus gigas: clonagem e purificação de uma nova fotoproteína

Processo: 17/07677-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de agosto de 2017
Vigência (Término): 31 de julho de 2019
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Biofísica - Radiologia e Fotobiologia
Pesquisador responsável:Anderson Garbuglio de Oliveira
Beneficiário:Gabriela Amancio Galeazzo
Instituição-sede: Instituto Oceanográfico (IO). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Lulas   Luciferases   Clonagem   Purificação de proteínas   Proteínas luminescentes   Bioluminescência

Resumo

Bioluminescência, a emissão de luz fria e visível por seres vivos tem sido bastante estudada nas últimas décadas. Quimicamente, esse fenômeno envolve a oxidação de uma molécula emissora de luz (luciferina) catalisada por uma enzima (luciferase). Em alguns organismos ainda, o complexo enzima-substrato (luciferase-luciferina) é mais estável do que seus constituintes dissociados, sendo capaz de emitir luz proporcionalmente à quantidade da enzima presente. Esse complexo recebe a denominação de fotoproteína. Contudo, apesar de diversas fotoproteínas terem sido isoladas e caracterizadas em organismos bioluminescentes marinhos, existem ainda muitos outros sistemas desconhecidos. Entre esses novos sistemas, pode-se citar o do molusco Dosidicus gigas, cuja purificação e clonagem da fotoproteína envolvida em seu processo de emissão de luz poderia contribuir para novos estudos aplicados e fundamentais. Popularmente chamada de lula de Humboldt, D. gigas é pescada comercialmente no Pacífico Sul e apresenta a capacidade de emitir luz azul ao longo de seu corpo quando perturbada. Resultados preliminares obtidos por nosso grupo indicam que a reação luminescente em D. gigas possa apresentar similaridades com as de outra lula luminosa, Symplectoteuthis oualaniensis. Porém, até o momento, nenhuma das substâncias envolvidas nesse processo foi totalmente isolada ou purificada. Dessa maneira, este projeto tem como objetivo a purificação e clonagem da fotoproteína da lula D. gigas. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
GALEAZZO, GABRIELA A.; MIRZA, JEREMY D.; DORR, FELIPE A.; PINTO, ERNANI; STEVANI, V, CASSIUS; LOHRMANN, KARIN B.; OLIVEIRA, ANDERSON G. Characterizing the Bioluminescence of the Humboldt Squid, Dosidicus gigas (d'Orbigny, 1835): One of the Largest Luminescent Animals in the World. Photochemistry and Photobiology, v. 95, n. 5, p. 1179-1185, SEP 2019. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.