Busca avançada
Ano de início
Entree

Elaboração de planilhas eletrônicas para determinar a exigência de aminoácidos para aves utilizando abordagem mecanicista e estocástica

Processo: 17/12182-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de julho de 2017
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2018
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Zootecnia - Nutrição e Alimentação Animal
Pesquisador responsável:Nilva Kazue Sakomura
Beneficiário:Gabriel da Silva Viana
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias (FCAV). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Jaboticabal. Jaboticabal , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:13/25761-4 - Modelagem da produção e das exigências nutricionais de aves e peixes, AP.TEM
Assunto(s):Aminoácidos   Necessidades nutricionais

Resumo

Os modelos utilizados para predizer as exigências nutricionais podem ser descritos como empírico ou mecanicista, determinístico ou estocástico, estático ou dinâmico. A utilização de modelos mecanicistas possibilita representar os acontecimentos biológicos com maior acurácia. Modelos estocásticos consideram as variações inerentes ao sistema, sendo mais realista quando comparado aos modelos dinâmicos. Com o objetivo de facilitar a predição da eficiência de utilização e a exigência dos aminoácidos, propõe-se a elaboração de planilhas eletrônicas baseadas em modelos mecanicistas e estocásticos para frangos de corte e aves de postura. No presente projeto temático (no 2013/25761-4) foram realizados ensaios dose-resposta com os aminoácidos lisina, metionina, treonina, valina, triptofano, e isoleucina para frangos de corte e galinhas poedeiras. Os dados obtidos nos experimentos serão utilizados na elaboração de modelos mecanicistas desenvolvidos em planilha eletrônica. Para frangos de corte o bolsista irá desenvolver uma metodologia para geração de uma população aleatória, considerando as variações no genótipo do animal e, posteriormente, serão desenvolvidos modelos de predição da eficiência de utilização e requerimento dos aminoácidos estudados. O modelo será estocástico, por considerar a variação entre os indivíduos, e mecanicista, pois a exigência dos aminoácidos estudados será obtida a partir de modelos fatoriais que descrevem a exigência de mantença e deposição corporal. Com relação às aves de postura, o bolsista irá trabalhar com o modelo de Reading, que permitirá definir a ingestão ótima e econômica dos aminoácidos. O modelo em questão também é mecanicista e estocástico, sendo uma ferramenta viável para predizer as exigências de aminoácidos das aves de postura. Frente ao exposto, objetiva-se com a presente proposta o desenvolvimento de duas planilhas eletrônicas, com aplicação das técnicas desenvolvidas e a disponibilização de mais este produto resultante do projeto temático.