Busca avançada
Ano de início
Entree

Irrigação subsuperficial deficitária no cultivo de tomateiro em casa de vegetação

Processo: 17/08172-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de setembro de 2017
Vigência (Término): 15 de julho de 2018
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Engenharia Agrícola - Engenharia de Água e Solo
Pesquisador responsável:Claudinei Fonseca Souza
Beneficiário:Marília Bueno da Silva
Instituição-sede: Centro de Ciências Agrárias (CCA). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). Araras , SP, Brasil
Assunto(s):Tomate   Tomateiro   Irrigação por gotejamento   Estresse hídrico   Umidade do solo

Resumo

A falta ou excesso de água durante o manejo do tomateiro podem ser prejudiciais à produção. Com isso, a busca por tecnologias que melhorem a produtividade da cultura e reduzam o volume de água aplicado durante o ciclo da cultura é essencial para a produção agrícola e para o meio ambiente. O objetivo deste trabalho é avaliar a irrigação deficitária na produtividade de tomateiro Grape irrigado através de gotejamento subsuperficial. O experimento será realizado no CCA/UFSCar e consistirá de 3 tratamentos com quatro parcelas em blocos casualizados. As lâminas de irrigação serão calculadas correspondendo à reposição de 100, 75 e 50 % da capacidade de água disponível no solo (CAD). A umidade do solo será monitorada por sondas TDR e a profundidade efetiva das raízes por imagens obtidas através de um scanner de raízes. As mudas de tomateiro Grape serão transplantadas sobre linhas de gotejamento instaladas a 0,20 m de profundidade. Serão avaliados número de frutos por planta e produtividade como características quantitativas; diâmetro, comprimento, sólidos solúveis, pH dos frutos e massa seca das folhas e caule como características qualitativas em relação aos tratamentos propostos. Espera-se que a irrigação subsuperficial deficitária traga resultados satisfatórios aliando produtividade e economia de água através da redução de perdas por evaporação do solo, além de proporcionar um manejo eficiente da irrigação e, consequentemente, uma redução nos impactos ambientais. (AU)