Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação do efeito de reforço de nanocristais de celulose em plásticos de amido produzidos por casting contínuo

Processo: 17/10023-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de agosto de 2017
Vigência (Término): 31 de julho de 2018
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia de Materiais e Metalúrgica - Materiais Não-metálicos
Pesquisador responsável:Luiz Henrique Capparelli Mattoso
Beneficiário:Rodrigo Ambrosio Rodrigues de Carvalho
Instituição-sede: Embrapa Instrumentação Agropecuária. Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (EMBRAPA). Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Brasil). São Carlos , SP, Brasil
Assunto(s):Amido   Plásticos biodegradáveis   Processamento de polímeros   Nanocristais   Nanotecnologia

Resumo

O crescente acúmulo de resíduos plásticos não biodegradáveis na natureza tem gerado uma necessidade por materiais biodegradáveis e que sejam provenientes de fonte renovável. O amido é um polímero natural com elevado potencial para desenvolvimento de plásticos biodegradáveis, por ser barato e amplamente disponível, contudo, plásticos de amido possuem características inferiores em relação aos polímeros oriundos do petróleo, a exemplo da alta solubilidade em água e propriedades mecânicas limitadas. Este projeto objetiva o desenvolvimento de filmes biodegradáveis de amido reforçados com nanocristais de celulose. A hipótese principal aqui apresentada é que a inclusão desses nanocristais é capaz de expandir a faixa de propriedades físicas dos filmes de amido. Nanocristais de celulose comerciais serão caracterizadas quanto à morfologia e dimensões, e posteriormente incorporadas em matrizes de amido utilizando o casting contínuo, uma técnica emergente de processamento de polímeros em escala piloto. Diferentes concentrações de nanocristais (1 - 5%) e plastificante serão avaliadas neste projeto. Os nanocompósitos amido/nanocristais de celulose serão estudados por técnicas de microscopia eletrônica, análises térmicas, mecânicas e óticas, dentre outras. Serão estabelecidas correlações entre dimensões e estado de dispersão dos nanocristais e as propriedades dos nanocompósitos. Por fim, as propriedades dos nanocompósitos amido/NCC serão comparadas com aquelas de filmes plásticos não biodegradáveis a fim de descrever o seu potencial de mercado. (AU)