Busca avançada
Ano de início
Entree

Produção e caracterização de carvão ativado obtido a partir de resíduo de biomassa de levedura da indústria sucroalcooleira

Processo: 17/13074-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de setembro de 2017
Vigência (Término): 31 de agosto de 2019
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Sanitária - Tratamentos de Águas de Abastecimento e Residuárias
Pesquisador responsável:Geórgia Christina Labuto Araújo
Beneficiário:Mikaela Silva dos Santos
Instituição-sede: Instituto de Ciências Ambientais, Químicas e Farmacêuticas (ICAQF). Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Campus Diadema. Diadema , SP, Brasil
Assunto(s):Carvão ativado   Biomassa   Tratamento de águas residuárias

Resumo

Devido a sua imensa capacidade de adsorção de gases e líquidos, carvões ativados têm sido empregados no tratamento de águas, efluentes e gases residuais, bem como em diversas etapas dos processos nas industriais químicas e associadas. Carvões ativados são materiais carbonosos, com uma estrutura microporosa interna bem desenvolvida, além da presença de um amplo espectro de grupos funcionais de superfície, podendo agir como suportes adsorventes ou como sistemas de peneira molecular. Diferentes materiais orgânicos têm sido utilizados para a produção de carvão ativado, embora nem todos sejam economicamente viáveis. A possibilidade de conversão de biomassa de levedura proveniente do processo de produção de álcool, que atualmente tem sido basicamente utilizado para a produção de rações animais e complemento de aporte de proteínas em alimentos, em carvão ativado pode originar um novo destino para este material, agregando valor comercial ao mesmo. O trabalho proposto tem por objetivo aprimorar o processo de produção de carvão ativado a partir de biomassa de levedura da indústria sucroalcooleira, com a eliminação de etapas de metodologia previamente desenvolvida sob orientação da Profa. Geórgia Labuto (Unifesp) e Wagner Alves Carvalho (UFABC), a qual é objeto de patente depositada. Após o aprimoramento do processo de produção, com eliminação de etapas, os carvões obtidos serão caracterizados para avaliação dos potenciais usos. (AU)