Busca avançada
Ano de início
Entree

Caracterização morfométrica dos estádios ninfais de Rhodnius marabaensis Souza et al., 2016, R. prolixus Stål, 1859 e R. robustus Larrousse, 1927 (Hemiptera, Reduviidae, Triatominae)

Processo: 17/13674-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de outubro de 2017
Vigência (Término): 30 de setembro de 2019
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Parasitologia - Entomologia e Malacologia de Parasitos e Vetores
Pesquisador responsável:João Aristeu da Rosa
Beneficiário:Gustavo Lázari Cacini
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Farmacêuticas (FCFAR). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Araraquara. Araraquara , SP, Brasil
Assunto(s):Triatominae   Rhodnius   Morfometria   Zoologia (classificação)

Resumo

Rhodnius marabaensis foi coletado na Reserva Ambiental Murumuru, Pará em 12/05/2014 e descrito por Souza et al. em 2016. A descrição dessa espécie foi feita por meio de estudo comparativo com R. prolixus e R. robustus. Tendo em vista a recente descrição propõe-se o estudo morfométrico dos estádios ninfais de R. marabaensis, assim como de R. prolixus e R. robustus que são espécies afins, com o intuito de ampliar a caracterização taxonômica. Além da validade para contribuir para a caracterização dos estádios ninfais da nova espécie de Rhodnius, este projeto tem também importância epidemiológica pois R. prolixus e R. robustus estão envolvidos na transmissão de doença de Chagas na região norte do Brasil. As colônias das três espécies de Rhodnius a serem utilizadas são mantidas no Insetário de Triatominae da Faculdade de Ciências Farmacêuticas/UNESP/Araraquara. Para a realização do estudo morfométrico será utilizado um sistema de análise de imagem "Motic R Images Advanced 3.2", acoplado a um microscópio estereoscópico Leica MZ APO. Serão mensurados o comprimento e largura da cabeça, tórax, abdômen; além de parâmetros da cabeça definidos por Dujardin et al. (1999) de 15 exemplares de cada um dos cinco estádios ninfais de R. marabaensis, R. prolixus e R. robustus. Os resultados da morfometria serão organizados em planilha eletrônica do programa Excel 2007 e as análises estatísticas efetuadas por meio do programa GraphPad Prism 7. (AU)