Busca avançada
Ano de início
Entree

Caracterização de ferritas Mn(1-x)ZnxFe2O4, preparadas por coprecipitação, mediante difratometria de raios X

Processo: 17/16342-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de outubro de 2017
Vigência (Término): 30 de setembro de 2018
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Física
Pesquisador responsável:Margarida Juri Saeki
Beneficiário:Augusto Kiyoshi Yamashiro Shiotuki
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IBB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil
Assunto(s):Ferritas   Nanopartículas   Biomateriais   Física médica

Resumo

O objetivo do projeto é sintetizar nanopartículas magnéticas de ferritas, de fórmula geral Mn(1-x)ZnxFe2O4, utilizando o método de coprecipitação para serem usadas no diagnóstico de câncer por biossusceptometria de corrente alternada (BAC). Tal técnica foi inicialmente utilizada para visualizar as funções gástricas que requer materiais magnéticos como marcador ou rastreador. Neste trabalho o composto magnético será preparado variando-se as proporções de manganês e zinco (x) a fim de otimizar sua propriedade magnética. Será caracterizado por técnicas físicas, a saber: difratometria de raio X (DRX) com refinamento estrutural (Método de Rietveld), microscopia eletrônica de varredura (MEV), análise composicional por energia dispersiva de raios X (EDX), espectroscopia no infravermelho, análise de mobilidade eletroforérica (potencial zeta) e medida de susceptibilidade magnética, correlacionando as variáveis da síntese e resultados das caracterizações estruturais com as magnéticas. (AU)