Busca avançada
Ano de início
Entree

Escovopsis trichodermoides como parasita na fungicultura das atíneas basais

Processo: 17/10631-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de novembro de 2017
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2019
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Microbiologia - Biologia e Fisiologia dos Microorganismos
Pesquisador responsável:André Rodrigues
Beneficiário:Rodolfo Bizarria Júnior
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Rio Claro. Rio Claro , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:12/25299-6 - Estudos integrados para o controle de formigas cortadeiras, AP.TEM
Assunto(s):Simbiose   Parasitismo   Micologia   Especificidade

Resumo

Uma das associações simbióticas fascinantes na natureza é o mutualismo entre as formigas da tribo Attini (atíneas) e fungos que cultivam como alimento. Fungos do gênero Escovopsis são considerados parasitas dos fungos cultivados por esses insetos. Estudos indicam uma especialização do parasita à determinados fungos mutualistas, embora eventuais trocas de hospedeiros ocorreram durante a evolução. Recentemente, nosso grupo de pesquisa descreveu o fungo Escovopsis trichodermoides em colônias de atíneas basais. Nada se sabe a respeito da especificidade e mecanismos de ação frente aos fungos cultivados por esses insetos. Nesse contexto, este projeto pretende responder a seguinte pergunta: E. trichodermoides apresenta padrão de especificidade parasita-hospedeiro semelhante ao descrito para outras espécies de Escovopsis? Para tanto, serão realizados experimentos de co-cultivo in vitro para avaliar a inibição do crescimento dos mutualistas por linhagens de E. trichodermoides; e ensaios de co-cultivo para avaliar a preferência dessas linhagens frente a mutualistas de atíneas basais. Em seguida, examinaremos quais mecanismos são utilizados por E. trichodermoides para afetar seu hospedeiro. Para esse fim, realizaremos ensaios de crescimento dos mutualistas frente aos metabólitos produzidos por E. trichodermoides, além de experimentos de microscopia eletrônica de varredura para investigar a interação física entre hifas dos fungos. Os resultados desse projeto confirmarão se E. trichodermoides realmente é um parasita dos fungos cultivados pelas atíneas basais, além de demonstrar o caráter generalista ou especialista desse frente ao hospedeiro. Portanto, esse projeto contribuirá com o entendimento da evolução do parasitismo de Escovopsis associados às colônias de atíneas basais, descrevendo o papel de E. trichodermoides nesse ambiente.

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
JÚNIOR, Rodolfo Bizarria. Lack of host fidelity and low virulence of the filamentous fungus Escovopsis trichodermoides. 2019. 62 f. Dissertação de Mestrado - Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" Instituto de Biociências (Campus de Rio Claro)..

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.