Busca avançada
Ano de início
Entree

Investigação de chalconas contra staphylococcus aureus MSSA e MRSA: avaliação da atividade antibacteriana, antibiofilme, anti-adesão e toxicidade em Galleria mellonella

Processo: 17/09245-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de outubro de 2017
Vigência (Término): 30 de junho de 2019
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Microbiologia - Microbiologia Aplicada
Pesquisador responsável:Luis Octávio Regasini
Beneficiário:Beatriz de Carvalho Marques
Instituição-sede: Instituto de Biociências, Letras e Ciências Exatas (IBILCE). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de São José do Rio Preto. São José do Rio Preto , SP, Brasil
Assunto(s):Galleria mellonella   Antibióticos   Staphylococcus aureus   Antibacterianos

Resumo

Staphylococcus aureus é um microrganismo comensal e patogênico ao ser humano, sendo responsável por uma variedade de doenças. Dentre estas, destacam-se acne, endocardites, furúnculos, osteomielite, pústulas, impetigo, meningite, pneumonia e artrite. Diversos agentes bacterianos desenvolveram mecanismos para adquirir resistência aos fármacos, sendo que a disseminação mundial de S. aureus multi-resistentes durante as últimas décadas tornou premente a busca por antibióticos inovadores. No projeto de IC desenvolvido pela candidata, realizado por dois processos Fapesp (2014/18577-5 e 2016/08084-7), identificou-se a atividade contra MSSA de três chalconas. No presente projeto, propõe-se a preparação destas chalconas por método estabelecido pela candidata durante o período de IC. As chalconas terão seu potencial antimicrobiano testado por ensaios biológicos, os quais permitirão avanços significativos. Estes ensaios incluem avaliações; a) da atividade antibacteriana contra MSSA e MRSA; b) da inibição da produção de biofilme de MSSA e MRSA; c) dos efeitos sobre biofilmes de MSSA e MRSA pré-formados; d) da inibição da adesão de MSSA e MRSA sobre queratinócitos humanos HaCat; e) da toxicidade contra Galleria mellonella, selecionada como modelo eucariótico alternativo; f) da atividade antibacteriana contra cepas de S. aureus resistentes a macrolídeos e tetraciclinas; g) da atividade antibacteriana contra outras espécies bacterianas Gram-positivas e Gram-negativas. A conclusão do projeto proposto em nível de Mestrado permitirá o patenteamento e publicação dos dados desenvolvidos pela candidata desde a IC.

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
MARQUES, Beatriz de Carvalho. Atividade antibacteriana de híbridos curcumina-cinamaldeído contra células planctônicas e biofilmes de MSSA e MRSA. 2019. Dissertação de Mestrado - Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" Instituto de Biociências, Letras e Ciências Exatas..

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.