Busca avançada
Ano de início
Entree

Consequências da poluição do ar em São Paulo: evidências para saúde

Processo: 17/20456-0
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Mestrado
Vigência (Início): 15 de janeiro de 2018
Vigência (Término): 29 de abril de 2018
Área do conhecimento:Ciências Sociais Aplicadas - Economia - Métodos Quantitativos em Economia
Pesquisador responsável:Paula Carvalho Pereda
Beneficiário:Bruna Morais Guidetti
Supervisor no Exterior: Edson Roberto Severnini
Instituição-sede: Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade (FEA). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Local de pesquisa : Carnegie Mellon University (CMU), Estados Unidos  
Vinculado à bolsa:17/08472-0 - Consequências da poluição do ar em São Paulo: evidências para saúde, BP.MS
Assunto(s):Poluição do ar   Vento

Resumo

Há evidências na literatura de que a poluição do ar impacta a saúde, principalmente de indivíduos mais vulneráveis, no entanto são poucas as evidências para países em desenvolvimento. A endogeneidade da exposição à poluição, já consolidada na literatura, surge como um problema para mensurar seus efeitos na saúde. Nesse contexto, este projeto de estudo procura investigar o impacto da poluição do ar na taxa de internação por doenças respiratórias em idosos e crianças residentes na Região Metropolitana de São Paulo, instrumentalizando a poluição do ar local pela quantidade de poluidores trazidos pelo vento.