Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeitos do complexo de rutênio trans[Ru(ThySMet)(PPh3)2(bipy)]PF6 em células tumorais de mama em cultura tridimensional

Processo: 17/20055-5
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Doutorado
Vigência (Início): 18 de dezembro de 2017
Vigência (Término): 17 de junho de 2018
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Morfologia - Citologia e Biologia Celular
Pesquisador responsável:Márcia Regina Cominetti
Beneficiário:Amanda Blanque Becceneri
Supervisor no Exterior: Sophie Lelievre
Instituição-sede: Centro de Ciências Biológicas e da Saúde (CCBS). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos , SP, Brasil
Local de pesquisa : Purdue University, Estados Unidos  
Vinculado à bolsa:14/25121-8 - Atividade antitumoral e potencial mutagênico dè novos complexos dè rutênio, BP.DR
Assunto(s):Neoplasias   Neoplasias mamárias

Resumo

O câncer é a segunda principal causa de morte em todo o mundo. O câncer de mama é o câncer mais prevalente em mulheres. O desenvolvimento de novos medicamentos contra o câncer ainda é um desafio devido à rápida resistência celular adquirida ao tratamento e à impossibilidade de aumentar as doses sem que a toxicidade seja mortal para o paciente. Os metais possuem características exclusivas que podem ser exploradas para a criação de novos medicamentos. Nos últimos 20 anos os complexos de rutênio apareceram como alternativa para o tratamento do câncer devido às suas características e versatilidade. Muitos estudos revelaram vantagens de técnicas de cultura tridimensional (3D) em relação a culturas tradicionais em monocamadas bidimensionais (2D). As culturas de células 3D devem imitar o microambiente do tumor encontrado in vivo com mais precisão. Apesar de muitos estudos terem demonstrado que os modelos 3D simulam o que ocorre in vivo, os dados ainda precisam ser validados in vivo usando modelos animais. Os modelos de animais são importantes, mas apresentam desafios, como seu alto custo e a dificuldade de imitar o processo da doença maligna encontrado em humanos. O desenvolvimento de técnicas que podem superar as tradicionais deficiências dos modelos in vitro e in vivo é fundamental. Órgãos no chip é uma nova área de cultura de células 3D que abre novas direções para superar essas deficiências, proporcionando um microambiente controlado e a arquitetura dos órgãos graças à engenharia. Este projeto visa aprender novas técnicas de cultura de células 3D e testar o complexo de rutênio trans[Ru(ThySMet)(PPh3)2(bipy)]PF6 em células de tumor de mama usando cultura de células 3D. Mais tarde, essas novas técnicas poderão ser usadas no laboratório de origem para a triagem de substâncias candidatas para desenvolver novos medicamentos com potencial antitumoral.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
BECCENERI, AMANDA B.; FUZER, ANGELINA M.; PLUTIN, ANA M.; BATISTA, ALZIR A.; LELIEVRE, SOPHIE A.; COMINETTI, MARCIA R. Three-dimensional cell culture models for metallodrug testing: induction of apoptosis and phenotypic reversion of breast cancer cells by the trans-[Ru(PPh3)(2)(N,N-dimethyl-N-thiophenyl-thioureato-k(2)O,S)(bipy) ]PF6 complex. INORGANIC CHEMISTRY FRONTIERS, v. 7, n. 16, p. 2909-2919, AUG 21 2020. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.