Busca avançada
Ano de início
Entree

Análise da prevalência do rearranjo STRN-ALK nos tumores de célula de Hürthle

Processo: 17/16315-1
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de novembro de 2017
Vigência (Término): 31 de outubro de 2019
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Genética - Genética Humana e Médica
Pesquisador responsável:Janete Maria Cerutti
Beneficiário:Débora Mota Dias Thomaz
Instituição-sede: Escola Paulista de Medicina (EPM). Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Campus São Paulo. São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Adenoma oxífilo   Neoplasias da glândula tireoide   Rearranjo gênico

Resumo

Os carcinomas bem-diferenciados da tiroide, como os carcinomas papilíferos e folicular da tiroide, são as neoplasias endócrinas mais frequentes e sua incidência vêm crescendo cada vez mais ao longo do tempo. Dentro desse grupo são incluídos os carcinomas de células de Hürthle (CCH). Os CCH têm sido associados com pior prognóstico, quando comparado aos demais carcinomas bem diferenciados. Em parte devido à baixa resposta ao tratamento com iodo radioativo. Pacientes com o tipo amplamente invasivo de CCH tem um baixo prognóstico, com taxa de recorrência de 31% e mortalidade específica em 25%. Se os pacientes apresentarem metástases à distância, o índice de mortalidade pode chegar a 80%. Muitas alterações como mutações ou rearranjos associados à patogênese dos carcinomas papilífero e folicular têm sido identificadas. Vários grupos têm procurado alterações genéticas que possam estar associadas à patogênese das neoplasias de Hürthle, e desta forma, compreender as diferenças clínicas e biológicas comparadas aos demais carcinomas bem diferenciados da tiroide. Entre estes, os rearranjos RET/PTC têm sido associados a formas mais indolentes. Pouco se sabe sobre os eventos genéticos nas formas mais agressivas. A fusão do gene striatin (STRN) com o gene anaplastic lymphoma kinase (ALK), denominada STRN-ALK, tem sido identificado em formas mais agressivas de carcinomas da tiroide. A alta eficácia do tratamento por inibidores de ALK faz desta fusão um alvo terapêutico importante para tumores mais agressivos. Este projeto prevê avaliar a prevalência do rearranjo STRN-ALK em neoplasias de células de Hürthle. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
DE JESUS PANIZA, ANA CAROLINA; MENDES, THAIS BIUDE; BORGES VIANNA, MATHEUS DUARTE; DIAS THOMAZ, DEBORA MOTA; CHIAPPINI, PAULA B. O.; COLAZZA-GAMA, GABRIEL A.; LINDSEY, SUSAN CHOW; DE CARVALHO, MARCOS BRASILINO; FERREIRA ALVES, VENANCIO AVANCINI; CURIONI, OTAVIO; BASTOS, ANDRE UCHIMURA; CERUTTI, JANETE MARIA. Revised criteria for diagnosis of NIFTP reveals a better correlation with tumor biological behavior. ENDOCRINE CONNECTIONS, v. 8, n. 11, p. 1529-1538, NOV 2019. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.