Busca avançada
Ano de início
Entree

Desenvolvimento de aptasensor para análise de saxitoxinas

Processo: 17/18652-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de novembro de 2017
Vigência (Término): 31 de outubro de 2018
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Analítica
Convênio/Acordo: SABESP
Pesquisador responsável:Cassius Vinicius Stevani
Beneficiário:Kevin André Jean Bayle
Instituição-sede: Instituto de Química (IQ). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo, SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:13/50410-0 - Saxitoxinas em águas de abastecimento: produção de padrão analítico, desenvolvimento de metodologias analíticas alternativas e estudo de degradação, AP.PITE
Assunto(s):Microfluídica   Sensores   Cianotoxinas   Química ambiental

Resumo

A eutrofização de corpos d'água, fenômeno que pode ser resultante da ação antrópica ou de mudanças climáticas, pode comprometer a qualidade da água destinada ao consumo humano. A presença de cianotoxinas é um indicador da degradação de um ambiente. As cianotoxinas mais comumente encontradas em represas de abastecimento são as microcistinas e as saxitoxinas, altamente tóxicas para seres humanos e para outros mamíferos. Devido à ameaça que representam para a saúde pública, as saxitoxinas devem ser monitoradas nas águas de abastecimento. A detecção e quantificação de saxitoxinas não é algo trivial, pois a molécula não apresenta nenhum bom cromóforo em sua estrutura. Além disso, existem até 30 variantes estruturais, que possuem diferentes cargas formais, dependendo do pH do meio e que ainda podem ser convertidos (bio)quimicamente em outras espécies. O projeto aqui apresentado tem como proposta: a) o desenvolvimento de um aptasensor, baseado em um aptâmero, marcado ou não, que reconheça e possibilite a quantificação de saxitoxinas livres ou conjugadas com proteínas e b) o desenvolvimento de um ensaio genérico qualitativo de baixo custo e para dispositivo portátil para detecção de saxitoxinas em corpos d'água e estudo da sua degradação. (AU)