Busca avançada
Ano de início
Entree

Conservação de abelhas e o serviço de provisão utilizando a perspectiva da paisagem para alcançar uma meta em comum

Processo: 17/19411-1
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2017
Situação:Interrompido
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Ecologia - Ecologia Aplicada
Pesquisador responsável:Jean Paul Walter Metzger
Beneficiário:Adrian David González Chaves
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo, SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:13/23457-6 - Projeto interface: relações entre estrutura da paisagem, processos ecológicos, biodiversidade e serviços ecossistêmicos, AP.BTA.TEM
Bolsa(s) vinculada(s):18/06330-6 - Cobertura florestal e isolamento afetam a produtividade anual do café na região da Mata Atlântica, BE.EP.DR
Assunto(s):Mata Atlântica   Ecologia da paisagem

Resumo

O manejo da paisagem focada em aumentar a provisão de serviços ecossistêmicos para aumentar a produtividade agrícola não garante a conservação da biodiversidade, dado que uma pequena porção da diversidade de espécies consegue prover o serviço. No entanto, os serviços ecossistêmicos são usualmente estimados em escalas locais enquanto a conservação da biodiversidade depende na disponibilidade de habitat em escalar maiores, ou regionais. O presente trabalho tem como intuito entender a capacidade dos fragmentos florestais de prover o serviço de polinização ao mesmo tempo de conservar biodiversidade, mediante o analise da configuração da paisagem numa escala regional. O sistema de estudo será o bioma Mata Atlântica inteiro, considerando a cultura de café e o serviço de polinização no nível de bioma pela primeira vez. O presente trabalho pretende avaliar a contribuição relativa da riqueza de polinizadores na provisão do serviço e na produtividade do café. Também esperamos identificar, na escala de bioma, se áreas prioritárias pra conservação da biodiversidade protegem e proveem alta riqueza de polinizadores que contribuem pra a produtividade do café. Finalmente, vamos avaliar como as mudanças climáticas afetaram a distribuição dos polinizadores e a adequabilidade do café, e como isso vai afetar a capacidade das áreas prioritárias para conservação da biodiversidade de garantir a provisão de polinizadores e do serviço de polinização. Para estimar a contribuição do serviço de polinização aos plantios de café, no nível de bioma e independentemente das variáveis climáticas, vamos considerar mapas de uso da terra e de cobertura para calcular a configuração e a composição da paisagem dos plantios de café e dos entornos no nível de município para comparar com a produtividade das duas espécies de café que apresentam diferenças na dependência à polinização. Para avaliar se as áreas prioritárias para conservação da biodiversidade podem prover alta riqueza de polinizadores e contribuir mais para a produtividade de café, vamos comparar a desempenho dos modelos que consideram os fragmentos prioritários para biodiversidades com o resto dos fragmentos. Finalmente modelaremos a distribuição futura dos plantios de café e da riqueza de polinizadores de acordo com diferentes cenários de mudança climática para estimar a produtividade futura e assim determinar áreas prioritárias futuras para provisão de polinizadores e do serviço e polinização.

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.