Busca avançada
Ano de início
Entree

Punição Preditiva: O Detecta e a Incorporação de Técnicas de Mineração de dados e Perfilização (Big Data) nas práticas de Vigilância e Monitoramento da Polícia Militar Paulista

Processo: 16/24525-3
Modalidade de apoio:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de janeiro de 2018
Vigência (Término): 31 de julho de 2021
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Sociologia - Outras Sociologias Específicas
Pesquisador responsável:Marcos César Alvarez
Beneficiário:Alcides Eduardo dos Reis Peron
Instituição Sede: Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):19/07132-6 - Tecnopolíticas da segurança: repensando a intersecção entre governamentalidade algorítmica e ciência, tecnologia e sociedade a partir dos sistemas de vigilância de big data em Londres e São Paulo, BE.EP.PD
Assunto(s):Criminologia   Sociologia da punição
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:criminologia | Detecta | Estudos de Vigilância | Estudos Sociais da Ciência e da Tecnologia | Policiamento Preditivo | Sociologia da Punição | Sociologia da Punição

Resumo

A tradição de estudos sobre Sociologia da Punição concentra-se no debate sobre as formas que historicamente determinaram os mecanismos de punição e gestão da criminalidade nas mais diversas organizações sociais. No entanto, com o desenvolvimento de novas tecnologias de comunicação e vigilância, cada vez mais esses estudos são obrigados a se relacionarem com outras áreas do saber, como os Estudos de Vigilância, e Estudos Sociais da Ciência e Tecnologia (ESCT) para a compreensão das novas estratégias de segurança pública. Nesse contexto, em 2014, o governo do estado de São Paulo contrata da Microsoft um sistema nomeado "Detecta", que combina o processamento de imagens das câmeras de monitoramento, com bancos de dados sobre criminosos, e dados de geo-posicionamento. Esse dispositivo teria o potencial de inaugurar uma nova forma de governamentalidade da segurança pública, conhecida como "Policiamento Preditivo" - de acordo com a própria Secretaria de Segurança Pública de São Paulo - caracterizado pelo apoio em algorítmos para a construção de perfis e estatísticas, aparentemente capazes de antecipar a possibilidade de ocorrência de crimes. Assim, nosso objetivo aqui será identificar a possível emergência de uma nova forma de governamentalidade da segurança pública, centrada na adoção e adequação do Detecta no contexto da cidade de São Paulo.

Matéria(s) publicada(s) na Revista Pesquisa FAPESP sobre a bolsa::
Diálogo estrecho 
Diálogo afinado 
Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
ALCIDES EDUARDO DOS REIS PERON; MARCOS CÉSAR ALVAREZ. O GOVERNO DA SEGURANÇA: MODELOS SECURITÁRIOS TRANSNACIONAIS E TECNOLOGIAS DE VIGILÂNCIA NA CIDADE DE SÃO PAULO. Lua Nova, n. 114, p. 175-212, . (13/07923-7, 16/24525-3)
LETÍCIA SIMÕES-GOMES; ALCIDES EDUARDO DOS REIS PERÓN. Race & Criminology through the lens of a sociologist. Interview with Natalie Byfield. Tempo Social, revista de sociologia da USP, v. 32, n. 3, p. 247-264, . (16/24525-3)
DOS REIS PERON, ALCIDES EDUARDO; OLIVEIRA PAOLIELLO, TOMAZ. Fear as a product, continuum as a solution: the role of private companies in the transnational diffusion of zero tolerance policing to Brazil. SMALL WARS AND INSURGENCIES, . (16/24525-3)

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.