Busca avançada
Ano de início
Entree

Módulos educacionais e chatterbots para apoiar abordagens de flipped classroom no ensino de teste de software

Processo: 17/10941-8
Modalidade de apoio:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de janeiro de 2018
Vigência (Término): 31 de março de 2019
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Ciência da Computação
Pesquisador responsável:Simone Do Rocio Senger de Souza
Beneficiário:Leo Natan Paschoal
Instituição Sede: Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação (ICMC). Universidade de São Paulo (USP). São Carlos , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:13/07375-0 - CeMEAI - Centro de Ciências Matemáticas Aplicadas à Indústria, AP.CEPID
Assunto(s):Educação em computação   Métodos de ensino   Teste e avaliação de software   Aquisição do conhecimento   Alunos
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Chatterbots | Flipped Classroom | Teste de Software | Educação em Computação

Resumo

No contexto educacional, discute-se sobre o uso de software para estimular e facilitar o pensamento crítico do estudante e a aquisição de habilidades e construção do conhecimento, desmistificando a ideologia de que o estudante deve ser um agente passivo em seu aprendizado. Para tanto, abordagens como flipped classroom surgem como alternativa para descentralizar o papel de educador do professor, centralizando a aprendizagem no estudante. Concomitantemente, ensinar Teste de Software está se tornando bastante desafiador, pois, apesar da sua importância comprovada para a qualidade do software, a atividade de Teste de Software é vista por muitos estudantes como pouco motivadora. Algumas alternativas para sofisticar o ensino de Teste de Software recebem destaque, em particular, módulos educacionais e jogos. Todavia, algumas pesquisas consideram a aplicação de ferramentas como complemento para o modelo tradicional de ensino. Nesse contexto, esta pesquisa se insere tendo a finalidade de apoiar a aplicação de uma metodologia diferenciada no ensino de Teste de Software, em especial flipped classroom. O objetivo é oferecer módulos educacionais estruturados para contemplar flipped classroom. Em especial, chatterbots serão acoplados a esses módulos para atuar como orientadores virtuais do estudo feito pelo estudante. Para validação da abordagem, pretende-se aplicar um estudo experimental com estudantes da disciplina de Teste de Software, obtendo-se assim, evidências empíricas sobre a aplicabilidade prática da proposta. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
PASCHOAL, LEO NATAN; KRASSMANN, ALIANE LOUREIRO; NUNES, FELIPE BECKER; DE OLIVEIRA, MYKE MORAIS; BERCHT, MAGDA; BARBOSA, ELLEN FRANCINE; SENGER DE SOUZA, SIMONE DO ROCIO; IEEE. A Systematic Identification of Pedagogical Conversational Agents. 2020 IEEE FRONTIERS IN EDUCATION CONFERENCE (FIE 2020), v. N/A, p. 9-pg., . (13/07375-0, 18/26636-2, 17/10941-8)
PASCHOAL, LEO NATAN; OLIVEIRA, BRAUNER R. N.; NAKAGAWA, ELISA YUMI; SOUZA, SIMONE R. S.; ASSOC COMP MACHINERY. Can we use the Flipped Classroom Model to teach Black-box Testing to Computer Students?. SBQS: PROCEEDINGS OF THE 18TH BRAZILIAN SYMPOSIUM ON SOFTWARE QUALITY, v. N/A, p. 10-pg., . (13/07375-0, 17/10941-8)
DE JESUS, GABRIELA MARTINS; FERRARI, FABIANO CUTIGI; PASCHOAL, LEO NATAN; SOUZA, SIMONE R. S.; ASSOC COMP MACHINERY. Is It Worth Using Gamification on Software Testing Education? An Experience Report. SBQS: PROCEEDINGS OF THE 18TH BRAZILIAN SYMPOSIUM ON SOFTWARE QUALITY, v. N/A, p. 10-pg., . (13/07375-0, 17/10941-8)
Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
PASCHOAL, Leo Natan. Contribuições ao ensino de teste de software com o modelo flipped classroom e um agente conversacional. 2019. Dissertação de Mestrado - Universidade de São Paulo (USP). Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação (ICMC/SB) São Carlos.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas utilizando este formulário.