Busca avançada
Ano de início
Entree

Desenvolvimento de novos sensores eletroquímicos impressos em papel para monitoramento de substâncias ambientais emergentes

Processo: 17/23940-0
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Doutorado
Vigência (Início): 01 de março de 2018
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2019
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Analítica
Pesquisador responsável:Orlando Fatibello Filho
Beneficiário:Patrícia Batista Deroco
Supervisor no Exterior: Danila Moscone
Instituição-sede: Centro de Ciências Exatas e de Tecnologia (CCET). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos , SP, Brasil
Local de pesquisa : Università degli Studi di Roma Tor Vergata, Itália  
Vinculado à bolsa:14/07919-2 - Preparação de eletrodos com novos materiais à base de carbono para aplicações em eletroanalítica, BP.DR
Assunto(s):Eletroanalítica

Resumo

A tecnologia "screen-printing" é uma técnica amplamente utilizada para na fabricação de sensores eletroquímicos. Essa metodologia é responsável pelo progressivo crescimento de dispositivos miniaturizados, sensíveis e portáteis. O principal foco de pesquisa nesta área tem sido a aplicação destes sensores para análise de amostras ambientais. Tais dispositivos podem ser utilizados para realizar análises químicas automatizadas em matrizes complexas de uma variedade de poluentes inorgânicos e orgânicos, fornecendo medidas rápidas, confiáveis e de baixo custo. Neste contexto, o desenvolvimento de novos eletrodos impressos (screen-printed) em papel para aplicação como sensores eletroquímicos, sensíveis e reprodutíveis, a ser utilizados na detecção e quantificação de substâncias ambientais emergentes em amostras de água superficial é proposto neste projeto. Os (bio)sensores impressos em papel modificados com carbon black (e material biológico no caso do biossensor) serão fabricados usando um procedimento desenvolvido no laboratório da Profa. Danila Moscone da Universidade de Roma Tor Vergata. Após as etapas de fabricação e caracterização, as arquiteturas de eletrodo propostas serão aplicadas para a detecção voltamétrica ou amperométrica de analitos de interesse ambiental.