Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação de processos formativos para grupos multiprofissionais atuantes na rede pública de atenção aos usuários de álcool e outras drogas

Processo: 17/18254-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2017
Vigência (Término): 31 de agosto de 2020
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Psicologia - Tratamento e Prevenção Psicológica
Pesquisador responsável:Ana Regina Noto
Beneficiário:Liz Paola Domingues
Instituição-sede: Escola Paulista de Medicina (EPM). Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Campus São Paulo. São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:15/19472-5 - Intervenções inovadoras frente a problemas relacionados ao consumo do álcool no Brasil: busca de novas abordagens para uma antiga questão de saúde pública, AP.TEM
Assunto(s):Alcoolismo   Transtornos relacionados ao uso de substâncias   Psicotrópicos   Capacitação profissional   Equipe de assistência ao paciente   Saúde pública   São Paulo

Resumo

A base multifatorial e a diversidade de problemas relacionados ao consumo e dependência de álcool e outras drogas exigem profissionais de diferentes áreas capacitados para identificar e intervir precocemente. Diversos processos formativos foram fomentados pelo governo brasileiro nos últimos anos visando a capacitação desses profissionais. A avaliação de tais cursos é fundamental para o embasamento de estratégias de otimização. Objetivo: avaliar processos formativos presenciais ofertados a profissionais atuantes na rede pública de saúde, educação, justiça e desenvolvimento social em atenção aos usuários de álcool e outras drogas no município de São Paulo, a partir de relatos de cursistas, gestores e coordenadores de cursos. Metodologias: trata-se de um estudo misto, contemplando abordagens quantitativas e qualitativas. Na etapa quantitativa serão analisados dados obtidos a partir de questionários de autopreenchimento administrados longitudinalmente (pré curso, pós curso e follow up) a 600 cursistas do CRR-DIMESAD-UNIFESP. Será realizada análise descritiva, inferencial (ANOVA) e de regressão logística, a fim de identificar fatores relacionados a mudanças profissionais decorridas dos cursos. A etapa qualitativa compreenderá técnicas de grupos focais, entrevistas individuais e grupos de learning alliance, contemplando 60 cursistas, 30 gestores de serviços públicos e 10 coordenadores de cursos. Os dados qualitativos serão submetidos à análise de conteúdo. (AU)