Busca avançada
Ano de início
Entree

Papel do receptor B1 de cininas no metabolismo materno induzido pelo treinamento físico durante a gravidez

Processo: 17/21368-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado Direto
Vigência (Início): 01 de janeiro de 2018
Vigência (Término): 31 de outubro de 2021
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Bioquímica - Biologia Molecular
Pesquisador responsável:Ronaldo de Carvalho Araújo
Beneficiário:Thaís Alves da Silva
Instituição-sede: Escola Paulista de Medicina (EPM). Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Campus São Paulo. São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:15/20082-7 - Sistema calicreína cininas no exercício físico e metabolismo, AP.TEM
Assunto(s):Desenvolvimento fetal   Gravidez   Treinamento físico   Cininas   Metabolismo   Leptina

Resumo

As cininas estão envolvidas em vários aspectos relacionados com o metabolismo, seja ele glicêmico, hepático bem como do tecido adiposo. Vários estudos mostram que o receptor B2 de cininas está envolvido na captação de glicose, via translocação de GLUT4, por via insulino-independente. Esse efeito deve-se provavelmente por aumento de cálcio intracelular. Por outro lado, vemos que os receptores de cininas tem papel preponderante na gliconeogênese hepática, principalmente em modelo de Obsesidade Mórbida. Além disso, as cininas por via receptor B1 são capazes de modular a sensibilidade à leptina no hipotálamo de animais submetidos à dieta hiperlipídica, ou em modelo de Obesidade Mórbida, os camundongos ob/ob. Sabe-se também que a leptina tem um papel importante no controle da fome durante a gravidez, bem como no aporte de nutrientes para o feto. É de suma importância uma resistência à leptina materna, durante a gestação, para que o feto obtenha os nutrientes de forma qualitativa e quantitativa. Essa resistência à leptina se dá principalmente por mediadores inflamatórios, dentre os quais pode se destacar o receptor B1 de cininas. Assim sabendo que esse receptor se apresenta presente na placenta e que os animais deficientes para o receptor B1 são mais sensíveis à sinalização de leptina, esse projeto visa avaliar o impacto desse receptor na via da leptina hipotalâmica e placentária. Além disso pretendemos avaliar como o exercício físico durante a gravidez, fator esse conhecidamente favorável à sinalização da leptina, irá afetar a prole no nascimento e na vida adulta. (AU)