Busca avançada
Ano de início
Entree

A perda de momento angular por discos de estrela be e seu impacto na evolução de estrelas em alta rotação

Processo: 17/24629-6
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Pesquisa
Vigência (Início): 06 de setembro de 2018
Vigência (Término): 23 de setembro de 2018
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Astronomia - Astrofísica Estelar
Pesquisador responsável:Alex Cavaliéri Carciofi
Beneficiário:Alex Cavaliéri Carciofi
Anfitrião: Georges Meynet
Instituição-sede: Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas (IAG). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Local de pesquisa : Université de Genève, Suíça  
Assunto(s):Evolução estelar   Discos circunstelares   Estrelas massivas   Estrelas Be

Resumo

Meu grupo no departamento de astronomia do IAG/USP é especialista em estrelas Be, que são estrelas da sequência principal que giram muito rapidamente. Como consequência da rápida rotação, elas expelem material pelo equador, o qual se espalha pelo plano equatorial, formando um disco.Recentemente nosso grupo terminou o primeiro estudo da evolução dinâmica de uma grande amostra de estrelas Be. Foram estudados 81 eventos de disco (compreendidos como a formação de um disco seguida de sua completa dissipação) de 54 estrelas Be na pequena nuvem de Magalhães (SMC), usando um novo método desenvolvido durante a tese de doutorado de Leandro R. Rímulo. Este estudo nos permitiu medir, pela primeira vez, a taxa de perda de momento angular (MA) pelo disco. Como a fonte de MA é a estrela central, o que foi realmente medido foi quanto de MA a estrela perde em cada um destes eventos.Estes resultados foram comparados com predições dos modelos de evolução estelar de Genebra. Descobriu-se que estrelas Be da SMC perdem MA a uma taxa até 2 ordens de magnitude menor que as taxas previstas pelos modelos.O objetivo da visita ao Observatório de Genebra é trabalhar diretamente com o grupo do Prof. Georges Meynet, co-autor do código de Evolução Estelar de Genebra. O grupo do prof. Meynet foi pioneiro no estudo dos efeitos da rotação na evolução estelar. Durante a visita abordaremos dois problemas correlatos: 1) Estudar a causa da discrepância entre nossas medidas e os modelos, e como estes devem ser modificados de maneira a reproduzir as observações; e 2) Compreender o impacto destas modificações nas predições teóricas da evolução de estrelas em alta rotação, tais como os tempos de vida na sequência principal, abundâncias atmosféricas dos elementos, etc.

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.