Busca avançada
Ano de início
Entree

Mitogen-Activated Protein Kinases (MAPK) dinâmica de interação regulando a repressão católica do carbono em Aspergillus nidulans

Processo: 17/23624-0
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 12 de março de 2018
Vigência (Término): 01 de agosto de 2018
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Genética - Genética Molecular e de Microorganismos
Pesquisador responsável:Gustavo Henrique Goldman
Beneficiário:Leandro Jose de Assis
Supervisor no Exterior: Gerhard Braus
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Farmacêuticas de Ribeirão Preto (FCFRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Local de pesquisa : Göttingen University, Alemanha  
Vinculado à bolsa:14/00789-6 - Caracterização funcional de fosfatases de Aspergillus nidulans envolvidas no metabolismo da glicose, BP.PD
Assunto(s):Genética microbiana

Resumo

O fungo filamentoso Aspergillus nidulans é usado como um organismo referência no estudo da produção de enzimas hidrolíticas. A presença de glicose, exerce um efeito repressivo na expressão de genes que estão envolvidos no uso de fontes alternativas de carbono. Este processo é chamado repressão católica do carbono (CCR) e é regulado co-ordenadamente por diferentes proteínas, possuindo como principal regulador de CCR o fator de transcrição Cys2His2 CreA em A. nidulans. Na presença de glicose, CreA é translocado para o núcleo onde ele reprime genes alvos necessários para o uso de fontes alternativas de carbono. Existe uma forte evidencia de que CreA é regulado por fosforilação, sendo o homólogo de CreA in Saccharomyces cerevisae chamado de Mig1p que é fosforilado pelo proteína cinase Snf1p. A fosforilação de Mig1p gera um translocamento para o citoplasma, portanto liberando CCR. Proteínas cinases transferem grupos fosforil para proteínas alvo (fosforilação) e trabalhando em caminho oposto existem as proteínas fosfatases (de-fosforilação), onde ambos os tipos regulam importantes processos celulares. Embora algumas proteínas cinases e fosfatases tenham sido descritas como importantes para CCR, elas não têm sido bem caracterizadas com relação ao seu papel na regulação da via de sinalização. Este projeto portanto tem como objetivo investigar a dinâmica de interação de proteínas cinases e fosfatases envolvidas na regulação de CCR. Uma varredura preliminar usando uma biblioteca de A. nidulans contendo 103 genes deletados e mutantes para proteínas fosfatases envolvidas em HOG MAPK na presença de indicadores de defeitos para CCR, mostrou muitos candidatos que apresentam fenótipos para perturbação de CCR. Este projeto portanto propõe a marcação de potencial candidatos incluídos na via MAPK (mitogen-activated protein kinase) HOG (high osmolarity glycerol) de osmoregulação com GFP ou TAP e realizar imunoprecipitações durante condição de repressão e des-repressão. Subsequencialmente, espectrometria de massas será realizada para identificar putativos parceiros de interação e um mapa de interação proteica será estabelecido. Este estudo espera fornecer novas perspectivas dentro da via de sinalização baseada em CCR com o objetivo de manipular geneticamente micro-organismos de relevância biotecnológica.