Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeito da fotobiomodulação nas células tronco mesenquimais de tecido adiposo em cultura 2D e 3D

Processo: 17/23167-9
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Doutorado
Vigência (Início): 20 de fevereiro de 2018
Vigência (Término): 01 de setembro de 2018
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina
Pesquisador responsável:Nivaldo Antonio Parizotto
Beneficiário:Ana Laura Martins de Andrade
Supervisor no Exterior: Alexandra P. Marques
Instituição-sede: Centro de Ciências Biológicas e da Saúde (CCBS). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos , SP, Brasil
Local de pesquisa : Universidade do Minho (UMinho), Portugal  
Vinculado à bolsa:15/17648-9 - Efeitos da terapia laser de baixa intensidade (660nm) associada à células tronco mesenquimais em queimaduras de terceiro grau: estudo "in vitro" e "in vivo", BP.DR
Assunto(s):Células-tronco   Terapia a laser de baixa intensidade

Resumo

O uso de células tronco mesenquimais (CTMs) na engenharia de tecidos vem sendo amplamente investigado pelos pesquisadores. Sabe-se que quanto maior a proliferação deste grupo celular maior é a capacidade regenerativa e cicatricial dos tecidos onde residem. Nesse contexto a terapia por fotobiomodulação (PBM) é apresentada na literatura como uma técnica eficaz na proliferação de diversos tipos celulares, porém a parametrização e o modo de ação desta técnica ainda não estão elucidados, tornando-se necessária a sua investigação. Estudos com cultura celular em 3D vem sendo amplamente explorados, devido à tridimensionalidade oferecida, facilitando o compreendimento das reações celulares em um ambiente com características mais próximas do "in vivo". O objetivo deste estudo é avaliar a ação da PBM, com diferentes energias, nas CTMs de tecido adiposo, em cultura celular 2D e 3D com hidrogel goma gelana e ácido hialurónico (GG-HA). Serão utilizadas células tronco mesenquimais de tecido adiposo (hASCs) isoladas para cultura em 2D e associado a GG-HA para a construção da cultura em 3D. Serão realizados oito grupos experimentais, sendo um grupo com hASCs e simulação da PBM, um grupo com hASCs+GG-HÁ também com simulação da PBM e os outros seis grupos que receberão a irradiação da PBM, nos tempos de 24, 48 e 72horas, com um laser de 660nm, potência de 40mW e energias de 0.56; 1.96; 5.04J. Será realizada a análise de microestrutura através da marcação com DAPI e analises de citotoxicidade e proliferação. Além disso será realizada avaliação das características bioquímicas no secretoma de hASCs.