Busca avançada
Ano de início
Entree

Anatomia floral de Plumeria rubra L. (Apocynaceae) com ênfase nos osmóforos e composição química do perfume exalado

Processo: 17/15135-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de fevereiro de 2018
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2018
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Botânica - Morfologia Vegetal
Pesquisador responsável:Diego Demarco
Beneficiário:Kimberly Yanaguidaira de Oliveira
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Análise química   Anatomia vegetal   Polinização   Apocynaceae

Resumo

Apocynaceae é uma família que apresenta uma ampla diversidade de glândulas florais, com destaque para diversos tipos de secreção envolvidos em diferentes mecanismos de dispersão do pólen. Dentre as variadas glândulas florais, os osmóforos são as estruturas que apresentam o menor número de trabalhos anatômicos, sendo praticamente desconhecidos nesse grupo. Devido a isso, o presente projeto tem o propósito de caracterizar estruturalmente as flores de Plumeria rubra quanto às estratégias de atração dos polinizadores com ênfase na análise dos osmóforos. Este estudo também identificará quimicamente os compostos que constituem o perfume floral durante todo o período de polinização por meio de cromatógrafo a gás acoplado a espectrômetro de massa. A investigação química será associada ao estudo histoquímico para se determinar a composição do perfume floral e o seu mecanismo de produção. O levantamento bibliográfico localizou apenas dois trabalhos anatômicos desta glândula para a família. Diante da escassez de dados, o presente estudo tem visa elucidar o mecanismo de atração de visitantes em uma espécie que, a priori, não oferece nenhum recurso para o polinizador, sendo polinizada por engodo. (AU)