Busca avançada
Ano de início
Entree

Desenvolvimento e validação de método analítico verde e miniaturizado para quantificação de rifaximina em comprimidos por espectrofotometria na região do ultravioleta

Processo: 17/22533-1
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de março de 2018
Vigência (Término): 29 de fevereiro de 2020
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Farmácia - Análise e Controle de Medicamentos
Pesquisador responsável:Hérida Regina Nunes Salgado
Beneficiário:Clara Bersi Motta Correa
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Farmacêuticas (FCFAR). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Araraquara. Araraquara , SP, Brasil
Assunto(s):Anti-infecciosos   Comprimidos   Controle da qualidade   Controle físico-químico de qualidade dos fármacos

Resumo

Rifaximina é um antimicrobiano oral e não sistêmico com efeitos adversos mínimos. É utilizado para o tratamento de encefalopatia hepática, diarreia dos viajantes, síndrome do intestino irritável, Clostridium difficile, colite ulcerativa, vaginosis bacteriana e diarreia aguda. No mercado são encontrados comprimidos de rifaximina de 200 mg com o nome comercial FlonormTM. A rifaximina, até então, não possui métodos de análise padronizados para avaliação dos seus comprimidos nos compêndios oficiais. Este fato justifica novas pesquisas nesta área. Assim, este projeto tem como objetivos realizar (i) o desenvolvimento e a validação de método analítico para a quantificação de rifaximina em comprimidos por espectrofotometria na região do ultravioleta, visando um método miniaturizado e verde que atendam os interesses tanto das indústrias quanto dos consumidos e do meio ambiente. Os resultados poderão ser utilizados na construção da monografia do produto, comprimido de rifaximina, como também será publicado em periódico internacional e divulgado em evento científico. Esta pesquisa contempla um tema atual, inovador e extremamente importante para a área de Controle de Qualidade de fármacos e medicamentos. (AU)