Busca avançada
Ano de início
Entree

Se podes ver, repara: a (re)educação do olhar em cena

Processo: 17/09707-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de fevereiro de 2018
Vigência (Término): 31 de janeiro de 2021
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Educação - Fundamentos da Educação
Pesquisador responsável:Luiz Roberto Gomes
Beneficiário:Helga Caroline Peres
Instituição-sede: Centro de Educação e Ciências Humanas (CECH). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):19/21271-9 - Os sentidos da didática negativa na pedagogia negativa do cinema: uma análise a partir da reconstrução empírica, BE.EP.DR
Assunto(s):Teoria crítica   Didática   Cinema   Filmes   Sala de aula   Hermenêutica

Resumo

O cinema, qualificado como instância formativa, fomenta a edificação não só de valores, crenças e juízos, mas também da sensibilidade. O objetivo geral deste projeto de pesquisa consiste em problematizar as relações já estabelecidas entre a escola e a apropriação da linguagem cinematográfica enquanto recurso didático de apoio aos conteúdos curriculares. De modo específico, objetiva-se explorar as possibilidades e os limites da experiência estética com o cinema nas salas de aula do Ensino Fundamental I, sendo tal experiência mediada pelas proposições teórico-críticas da didática do filme; esta expressa o sentido intrinsecamente formativo da linguagem cinematográfica, voltado para o processo de reeducação de nossos sentidos já sorvidos pelos produtos da indústria cultural. Partindo da hipótese de que tal abordagem pode vir a fomentar não apenas a experiência estética, mas também reflexões centradas nas contradições imanentes à estrutura dos filmes e à linguagem cinematográfica, pretendemos responder a seguinte questão: de que forma a escola pode ressignificar a apropriação dos filmes como recurso didático, em direção à uma formação estético-cultural que possa promover a reeducação do olhar? A hermenêutica objetiva, procedimento de reconstrução empírica de situações pedagógicas, possui fundamento na teoria crítica da sociedade, especialmente na dialética negativa de adorno, e será nosso aporte teórico-metodológico. Através da reconstrução da interação social estabelecida em uma intervenção a ser realizada, pela pesquisadora, em uma sala de aula do Ensino Fundamental I, analisaremos em que medida as práticas pedagógicas atreladas ao cinema, quando subsidiadas pela didática do filme, podem vir a dar vazão à reeducação dos sentidos e à abordagem metodológica crítica, no âmbito das atividades voltadas ao uso do cinema em sala de aula. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)