Busca avançada
Ano de início
Entree

Mecanismo envolvido na floculação alcalina de Chlorella sorokiniana e sua validação em água negra

Processo: 18/01218-3
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Mestrado
Vigência (Início): 14 de junho de 2018
Vigência (Término): 13 de dezembro de 2018
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Sanitária - Tratamentos de Águas de Abastecimento e Residuárias
Pesquisador responsável:Luiz Antonio Daniel
Beneficiário:Luan de Souza Leite
Supervisor no Exterior: Tomás Brányik
Instituição-sede: Escola de Engenharia de São Carlos (EESC). Universidade de São Paulo (USP). São Carlos , SP, Brasil
Local de pesquisa : University of Chemistry and Technology Prague (UCT Prague), República Tcheca  
Vinculado à bolsa:17/14620-1 - Otimização do cultivo de Chlorella sorokiniana em fotobiorreator "flat panel" e colheita para sua utilização como fertilizante, BP.MS
Assunto(s):Tratamento de águas residuárias   Chlorella sorokiniana

Resumo

O projeto de pesquisa no exterior visa estudar o mecanismo envolvido na floculação alcalina da microalga Chlorella sorokiniana, cultivada em dois diferentes meios: mineral e esgoto. Este método de colheita é considerado barato e baseado em alterações de pH espontâneas ou induzidas. A mudança de pH para condições alcalinas (pH 9-12) induz a precipitação de fosfato de cálcio ou hidróxido de magnésio, resultando em interações entre células de microalga-precipitado e formação de flocos. No contexto da recuperação de biomassa em conjunto com o tratamento de águas residuais, é desejável realizar o processo de separação com baixo custo de implantação, operacional e elétrico ao ser aplicado em grande escala. Portanto para aplicações práticas, é necessário o conhecimento sobre a importância da carga superficial, tensão superficial e tamanho de partícula na eficiência desse método de floculação. A presente pesquisa irá quantificar o efeito das variáveis independentes: concentrações de Mg2+, Ca2+ e PO_4^(3-), pH e força iônica sobre o potencial zeta (ZP) das microalgas e precipitados inorgânicos. O modelo de interação físico-química obtido será usado para interpretar os resultados do teste de floculação e prever o comportamento da floculação em esgoto. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
LEITE, LUAN DE SOUZA; DANIEL, LUIZ ANTONIO; PIVOKONSKY, MARTIN; NOVOTNA, KATERINA; BRANYIKOVA, IRENA; BRANYIK, TOMAS. Interference of model wastewater components with flocculation of Chlorella sorokiniana induced by calcium phosphate precipitates. Bioresource Technology, v. 286, AUG 2019. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.